abadiaemfoco

sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

Falta d'água


O problema agora chegou à  mídia e todos estão comentando. Parece que as pessoas só acreditam em algo quando aparece na tv ou é insistentemente propagado pelos jornais e rádios. Não conseguem imaginar as coisas, salvo algumas exceções, sem ter alguém dando palpite. É o caso da falta d'água que vem assolando o Brasil e agora chega em Minas com uma força nunca antes vista. Vejam os casos de Ouro Preto, Itapecerica, Oliveira....e região metropolitana, a coisa está literalmente feia por lá. 
Aqui em Martinho Campos, apesar de sermos banhados por quatro rios, sendo dois de grande porte (São Francisco e Pará), estamos em estado de atenção, pois todo cuidado é pouco. É necessário urgentemente pensar medidas de economia de água para que não passemos necessidades num futuro próximo.
A Copasa, nas regiões mais afetadas como a grande BH, já  admite adotar medidas drásticas, como rodízio de fornecimento, sobretaxa de consumo e racionamento. A situação dos reservatórios é “extremamente crítica” e o “racionamento é iminente”, afirmou a nova diretora-presidente da Copasa, Sinara Meireles Chenna, que assumiu há três dias o comando da companhia responsável pela água e pelo esgoto de 31 das 34 cidades da Grande BH. 
Então, minha gente, vamos economizar nosso bem mais precioso, vamos deixar de aguar passeios, diminuir o tempo de banho, adotar sistema de armazenamento de água pluvial, etc. Ou usamos a água com bom senso ou vamos fechar as torneiras.

Nenhum comentário:

Postar um comentário