abadiaemfoco

terça-feira, 30 de abril de 2013

Esquecidos ou desmerecidos?


Caros amigos internautas! Por indicação de uma amiga do abadiaemfoco colocamos este "post" para mostrar mais um descaso com nosso município. Sei que não podemos culpar A ou B por isso, mas alguma coisa tem que ser feita. A notícia abaixo, publicada hoje, nos mostra um avanço do governo estadual quanto à manutenção e melhoramento de nossas vias, porém faltou uma pequena e bela cidade no rol das beneficiadas. Veja a matéria enviada pela prima e amiga Henriqueta.

"Estado irá recuperar 445 km de estradas do Centro-Oeste de Minas

Foto: José Carlos Paiva / Imprensa MG
Foto: José Carlos Paiva / Imprensa MG
O programa que desde 2006 investiu mais de R$ 1,5 bilhão em recuperação de estradas, tem como meta recuperar 1.600 quilômetros em 2013. Mais de 400 quilômetros das estradas beneficiadas com o programa estão na região Centro-Oeste, e atendem os municípios de Araújos, Cachoeira da Prata, Carmo do Cajuru, Conceição do Pará, Divinópolis, Florestal, Fortuna de Minas, Igaratinga, Inhaúma, Itatiaiuçu, Itaúna, Leandro Ferreira, Maravilhas, Mateus Leme, Nova Serrana, Onça de Pitangui, Papagaios, Pará de Minas, Pequi, Perdigão, Pitangui, São Gonçalo do Pará e São José da Varginha.
O Governo de Minas também anunciou que a MG-050, entre Itaúna e Divinópolis, já tem recursos para a execução de obras de duplicação assegurados.
Com Agência Minas"

Políticos martinho-campenses vamos dar o grito. Na hora de trazer deputados estaduais e federais aqui para inaugurar obras, fazer discursos, pedir votos, dar tapinhas no ombro e palavras doces, todo mundo traz, porém para lutar pelas nossas estradas, pelas nossas ruas cheias de buracos, por nossa educação, por nosso social, etc. ninguém faz ou fala nada?
Será que vamos ter que esperar mais não sei quantos anos para termos voz lá em cima?
O blog e a população ficam indignados ao verem tantas cidades vizinhas recebendo auxílio e nossa comunidade de fora! Isso tem que mudar!



Salmo 34




1. De Davi. Lutai, Senhor, contra os que me atacam; combatei meus adversários.

2. Empunhai o broquel e o escudo, e erguei-vos em meu socorro.
3. Brandi a lança e sustai meus perseguidores. Dizei à minha alma: Eu sou a tua salvação.
4. Sejam confundidos e envergonhados os que odeiam a minha vida, recuem humilhados os que tramam minha desgraça.
5. Sejam como a palha levada pelo vento, quando o anjo do Senhor vier acossá-los.
6. Torne-se tenebroso e escorregadio o seu caminho, quando o anjo do Senhor vier persegui-los,
7. porquanto sem razão me armaram laços; para me perder, cavaram um fosso sem motivo.
8. Venha sobre eles de improviso a ruína; apanhe-os a rede por eles mesmos preparada, caiam eles próprios na cova que abriram.
9. Então a minha alma exultará no Senhor, e se alegrará pelo seu auxílio.
10. Todas as minhas potências dirão: Senhor, quem é semelhante a vós? Vós que livrais o desvalido do opressor, o mísero e o pobre de quem os despoja.
11. Surgiram apaixonadas testemunhas, interrogaram-me sobre faltas que ignoro,
12. pagaram-me o bem com o mal. Oh, desolação para a minha alma!
13. Contudo, quando eles adoeciam, eu me revestia de saco, extenuava-me em jejuns e rezava.
14. Andava triste, como se tivesse perdido um amigo, um irmão; abatido, me vergava como quem chora por sua mãe.
15. Quando tropecei, eles se reuniram para se alegrar; eles me dilaceraram sem parar.
16. Puseram-me à prova, escarneceram de mim, rangeram os dentes contra mim.
17. Senhor, até quando assistireis impassível a este espetáculo? Arrancai desses leões a minha vida, livrai-me a alma de seus rugidos.
18. Vou render-vos graças publicamente, eu vos louvarei na presença da multidão.
19. Não se regozijem de mim meus pérfidos inimigos, nem tramem com os olhos os que me odeiam sem motivo,
20. pois nunca têm palavras de paz: e armam ciladas contra a gente tranqüila da terra,
21. escancaram para mim a boca, dizendo: Ah! Ah! Com os nossos olhos, nós o vimos!
22. Vós também, Senhor, vistes! Não guardeis silêncio. Senhor, não vos aparteis de mim.
23. Acordai e levantai-vos para me defender, ó meu Deus e Senhor meu, em prol de minha causa!
24. Julgai-me, Senhor, segundo vossa justiça. Ó meu Deus, que não se regozijem à minha custa!
25. Não pensem em seus corações: Ah, tivemos sorte! Não digam: Nós o devoramos!
26. Sejam confundidos todos juntos e se envergonhem os que se alegram com meus males, cubram-se de pejo e ignomínia os que se levantam orgulhosamente contra mim.
27. Mas exultem e se alegrem os favoráveis à minha causa e digam sem cessar: Glorificado seja o Senhor, que quis a salvação de seu servo!
28. E a minha língua proclamará vossa justiça, dando-vos perpétuos louvores.


Enquanto isso na Escola Francisco Dias


— Um professor de Física quis pregar uma peça em seus alunos e lhes disse:
— Aqui vai um problema: Um avião saiu de Amsterdam com uma velocidade de 800 km/h, à pressão de 1.004,5 milibares; a umidade relativa do ar era de 66% e a temperatura 20,4 graus Celsius. A tripulação era composta por 2 pilotos e 5 aeromoças; a capacidade era de 145 assentos para passageiros e o banheiro estava ocupado. A pergunta é... Quantos anos eu tenho? — E deu aquele risinho de quem se sente superior.
— Os alunos ficam assombrados. O silêncio é total.
Então o Waldim (filho do Geriowaldo) lá no fundo da sala e sem levantar a mão, diz de pronto:
— 44 anos, professor!
— O professor, muito surpreso, o olha e diz:
— Caramba, é certo. Eu tenho 44 anos.
— Mas como você calculou?
— E  o Waldim:
— Bem, eu deduzi porque eu tenho um primo que é meio besta, e ele tem 22 anos...!



Estamos bebendo mais – e num nível perigoso para a saúde


Estudo traça comportamento dos brasileiros em relação ao álcool

Ana Carolina Prado 

Imagem: George Marks/Stringer

A porcentagem de brasileiros abstêmios pode surpreender, mas quem bebe tem feito isso de forma, digamos, cada vez mais intensa – 20% dos adultos bebedores consomem 56% de todo o álcool vendido no país. E essas pessoas não estão mais felizes e relaxadas: no grupo dos que abusam do álcool, a incidência de depressão é muito alta.
Esses e outros dados foram obtidos no 2º Levantamento Nacional de Álcool e Drogas (Lenad), organizado pelo médico Ronaldo Laranjeira, coordenador da Unidade de Pesquisa em Álcool e Drogas da Faculdade de Medicina da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp). Para o estudo, cujo resultado foi revelado este mês, foram entrevistadas no ano passado 4.607 pessoas maiores de 14 anos, de 149 municípios de todas as regiões brasileiras em 2012.
- 52% da população brasileira é abstêmia.
Até o autor do estudo se surpreendeu com essa informação. “Durante mais de 30 anos, acreditei que a taxa brasileira [de abstêmios] era semelhante à europeia, em torno de 12%”, contou Laranjeira à Agência FAPESP (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, que apoiou o estudo).
- Mas quem consome álcool tem consumido cada vez mais
Entre os que curtem um goró, no entanto, aumentou de 45% para 59% o número de pessoas que têm um padrão de consumo batizado de “binge” e considerado nocivo – quatro unidades de álcool para mulheres e cinco para homens em uma única ocasião. Entre as mulheres, o crescimento foi ainda maior, passando de 36% para 49%.
- Só 20% dos adultos bebedores consomem 56% de todo o álcool vendido no país – e a maioria tem menos de 30 anos
Está aí outro dado preocupante. “O padrão brasileiro é o de beber fora de casa, nas ruas, nos bares, e de forma excessiva. Os jovens bebem para ficar bêbados e isso aumenta muito o risco de prejuízos à saúde e de envolvimento com violência, drogas e outros comportamentos de risco. A ideia que a indústria do álcool tenta passar, de que no Brasil todo mundo bebe um pouco, não é verdadeira”, afirmou Laranjeira.
- Beber mais traz consequências perigosas
“O aumento do consumo entre as mulheres, especialmente nesse padrão ‘binge’, terá consequências importantes do ponto de vista da saúde pública no médio prazo. Isso vai aumentar as taxas de câncer da mulher brasileira”, acredita Laranjeira. Pois é: segundo ele, evidências apontam que o consumo de duas ou mais doses de álcool por dia pela mulher aumenta em 20% o risco de câncer de mama. E estima-se ainda que 30% dos casos de câncer na população em geral tenham o álcool como um agente causador.
Entre os que bebem, dois em cada dez apresentaram critérios para abuso ou dependência
Isso corresponde a cerca de 11,7 milhões de brasileiros. Outras estatísticas destrincham isso: 32% dos bebedores disseram que já aconteceu de não terem sido capazes de parar depois de começar a beber; 10% contaram que alguém já se machucou em consequência do seu consumo de álcool; 8% admitiram que a bebida já teve efeito prejudicial no trabalho e 9% admitiram prejuízo na família ou no relacionamento. Sem contar que quase um terço dos homens jovens bebedores abusivos se envolveu em briga com agressão física no último ano.
- O índice de depressão é bem maior entre os que abusam do álcool,
O estudo revelou que o índice de depressão entre os que abusam de álcool é de 41%, contra 25% na população em geral. Para Laranjeira, isso é um aviso importante: “É preciso desassociar a imagem do álcool à alegria. Quem bebe e bebe muito tem mais chance de ficar depressivo do que de ficar feliz”.
Menos pessoas estão dirigindo após o consumo de álcool (mas o número ainda é alto)
O levantamento trouxe uma boa notícia: houve queda de 21% no número de pessoas que relatam ter dirigido após o consumo de álcool, embora o índice de casos em que isso acontece ainda seja alto (também de 21%, contra a porcentagem de 1% ou 2% vista nos países desenvolvidos). Isso indica que a Lei Seca provavelmente está surtindo efeito. “Mas só a manutenção dessa política e o aumento da fiscalização conseguirão fazer os números caírem ainda mais”, diz Laranjeira.
Possíveis razões para os números
Para o médico Laranjeira, uma das razões do aumento no consumo de álcool é o crescimento econômico do Brasil nos últimos 10 anos e o consequente aumento da renda per capita. “Quem não gastava dinheiro com álcool continua não gastando. Mas os que bebem estão gastando mais com bebida, especialmente as mulheres”, disse.
Além disso, ele reclama da falta de regulamentação do mercado de bebidas alcoólicas e defende a diminuição dos pontos de venda (que, segundo dados da Ambev, somam 1 milhão em todo o país), a restrição dos seus horários e a proibição de propagandas nos meios de comunicação. “Quando Diadema proibiu o funcionamento dos bares após as 23 horas, a mortalidade por homicídio caiu mais de 90% no município. Isso é um exemplo de uma medida política que faz a diferença. Já campanhas educativas em escolas, por exemplo, adiantam muito pouco”, disse.
Você concorda?

segunda-feira, 29 de abril de 2013

Evento imperdível em Martinho Campos

Galera da Badia prepare-se! O evento "Destaques Martinho Campos e região" está chegando.
Dia 30 de maio próximo será realizado em nossa querida Martinho Campos o evento que agraciará as pessoas, autoridades e empresas que são destaque em nosso município, Pompéu, Abaeté e Bom Despacho.
Alguns dos homenageados:
Tenente Cel. Wagner Soares de Santana
Dr. Rodrigo Eduardo de Noronha (Delegado de Polícia)
Ralph dos Santos (Míster Brasil)
Dra. Raquel Cristina da Silva
Domingos Sávio (Deputado Federal)
Dr. Paulino Gontijo Queiroz Cançado
Dra. Mariana Christine de Assis Faria Medeiros
Tenente Sérgio Gomes dos Santos
Vereador Ronaldo Ferreira Borges
Vereador Darcy Jairo da Costa
Joaquim de Campos Reis (Prefeito de Pompéu)
Dr. Kléber Alves de Oliveira
Dr. Euzébio José de Medeiros
Rômulo Lobato Ferreira
Será uma belíssima festa de confraternização e homenagens às pessoas que realmente fazem de nossa região um lugar bom de se viver!
Maiores informações ao longo do mês, aqui no abadiaemfoco e detalhes sobre o evento com o organizador e Colunista Social Luiz Carlos de Souza.

Ibitira

Viajando pela nossa querida capital Ibitira. O vídeo não ficou 100% por causa dos buracos, dos quebra-molas e do Sol! Mas vale a pena conferir!



Dormir no curral


Um avião caiu na floresta. Restaram apenas 3 sobreviventes. Um indiano, um judeu e um argentino. Caminhando entre as árvores da grande floresta, eles encontraram uma pequena casa e pediram para passar a noite. O dono da casa disse:
— Minha casa é muito pequena, posso acomodar somente 2 pessoas, 1 terá que dormir no curral.
O indiano respondeu: — Eu dormirei no curral, sou indiano e hinduísta, necessito praticar o bem. Após uns 30 minutos alguém bate na porta da casa. Era o indiano, que disse:
— Não posso ficar no curral, lá tem uma vaca, que é um animal sagrado, e eu não posso dormir junto a um animal sagrado.
Então o judeu respondeu:
— Eu dormirei no curral, somos um muito povo humilde e sem preconceitos.
Após uns 30 minutos alguém bate na porta da casa. Era o judeu, que disse:
— Não posso ficar no curral, lá tem um porco, que é um animal impuro, eu não posso dormir junto a um animal que não seja puro.
Então, o argentino, "muy putón de la vida", aceitou dormir no curral.
Após uns 30 minutos alguém bate na porta da casa. Era a vaca e o porco...

domingo, 28 de abril de 2013

Coisas de vizinhos


O Geriowaldo está entrando no chuveiro enquanto sua mulher acaba de sair dele e está se enxugando. Ouve-se o bater de palmas vindo lá de fora . Depois de alguns segundos de discussão para ver quem iria atender a porta, a mulher desiste, se enrola na toalha e vai até a sala. Quando ela abre a porta, vê o vizinho Zé Cagueiteira em pé na soleira.
Antes que ela possa dizer qualquer coisa, Zé diz:
— Eu lhe dou 800 reais se você deixar cair esta toalha!
Depois de pensar por alguns segundos, a mulher deixa a toalha cair e fica nua. Cagueiteira então entrega a ela 800 reais prometidos e vai embora. Confusa, mas excitada com sua sorte, a mulher se enrola de novo na toalha e volta para o quarto. Quando ela entra no quarto, o marido grita do chuveiro:
— Quem era?
— Era o Zé Cagueiteira. — diz ela.
— Ótimo! Ele lhe deu os 800 reais que ele estava me devendo?

Blog sensação

A vizinha desligou o wi fi e a outra moradora foi lá tirar satisfação, dizendo que não poderia ficar sem ver o abadiaemfoco e o facebook. Veja no que deu!


Concurso Polícia Militar/área administrativa


A Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG) abriu concurso para assistente administrativo em todo estado. São, no total, 1300 vagas e o salário é de R$ 1.120 com carga horária de 30 horas semanais. Há vagas para cidades do Triângulo Mineiro, Alto Paranaíba, Noroeste e Centro-Oeste do estado, como Uberlândia,  Ituiutaba, Frutal, Iturama e Araguari, Patos de Minas, Araxá, Patrocínio,  Unaí,  Divinópolis, Nova Serrana, Bom Despacho, Pará de Minas e Formiga.
Para se inscrever os candidatos devem ter mais de 18 anos e o ensino médio completo, além de pagar uma taxa de R$ 50. As inscrições começam neste domingo (28) e vão até o dia 18 de maio. O edital pode ser conferido no site e abaixo você confere a relação das cidades e vagas na região.
CidadeVagas geraisVagas para deficientes
Uberlândia595
Ituiutaba71
Frutal71
Iturama71
Araguari71
Patos de Minas292
Araxá71
Patrocínio71
Unaí182
Divinópolis182
Nova Serrana41
Bom Despacho202
Pará de Minas41
Formiga71












sábado, 27 de abril de 2013

Saudade não tem idade...

Mais um sábado de alegria e saudades para os amantes do abadiaemfoco e da boa música.
Hoje vamos relembrar dois sucessos do passado que são eternos.


E para não dizer que não falei das flores.....vai aqui uma nacional belíssima...


O negócio do burro


Certo dia a netinha foi para a fazenda da vovó tirar férias chegando lá ela perguntou a vovó:
— Vovó o que é aquilo pendurado debaixo do burrinho?
A vó , para não falar "indecência" para a neta respondeu:
— Netinha querida aquilo é "qualquer coisa" do burro.
No outro dia a netinha teve que preparar o almoço porque a vovó havia ficando doente. Querendo agradar perguntou:
— O que posso fazer de almoço vovó?
A vovó sem pensar no erro que estava cometendo, respondeu:
— Qualquer coisa, querida!

Coisa de polícia

Vejam só as viaturas de Dubai.

 (AFP)

Após o anúncio do superesportivo Lamborghini Aventador para patrulhar as ruas, a Polícia de Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, apresentou um novo carro: a Ferrari FF. O modelo custa cerca de US$ 545 mil e tem um motor capaz de chegar de 0 a 100 km/h em 3,7 segundos. O FF é o primeiro da marca italiana com tração integral. O motor é um V12 de 669 cv que faz o carro ir aos 335 km/h. Aqui no Brasil, essa Ferrari é vendida por R$ 2,7 milhões.


Para o site Gulfbusiness, o chefe da polícia local, Dhahi Khalfan Tamim, disse que Dubai é uma cidade única e tudo deve refletir a sua singularidade, por isso a Polícia incluiu a Ferrari a nova frota. Disse ainda que o carro não será usado para perseguir motoristas que trafegam em alta velocidade, mas sim, para fazer a segurança nas estradas.


"Fomos agradavelmente surpreendidos pela reação das pessoas sobre o Lamborghini. Então nós pensamos que a Ferrari também seria uma boa escolha".

Aqui no Brasil, o que se vê nas ruas são viaturas quase sempre sucateadas. Alguns estados, como Ceará e São Paulo se destacam pela frota moderna da Polícia Militar. A corporação paulista conta com a Toyota Hilux SW4 2.7 Flex manual na frota e os policias do Ceará trabalham com o mesmo modelo da marca japonesa, porém com motor 3.0 Diesel e câmbio automático.

Mas na maior parte do país, o que se vê são viaturas em péssimo estado de conservação. Em Minas, a Polícia Civil recebeu uma nova frota de carros no ano passado, mas os veículos são velhos, muito rodados e alguns estão em más condições, com estofados rasgados e lataria amassada. Na frota há modelos Palio fabricados entre 1998 e 2000 (ainda da primeira geração) e dois Chevrolet Blazer que serviam à Polícia Federal.
(Do jornal EM)

sexta-feira, 26 de abril de 2013

Solicitação

Internautas amigos do abadiaemfoco, 

caso vocês tenham alguma sugestão de postagem, histórias da Badia, fotos antigas, etc, para que possamos estar melhorando o blog, favor mandar para meu e.mail: ita@galo.com.br  Com a ajuda de vocês o blog ficará mais rico e Martinho Campos mais visto por muitos.
Obrigado

Wilton Ronald da Silva



Reflexão da Sexta-Feira/Família



Eu estava correndo e de repente um estranho trombou em mim:
- "Oh, me desculpe por favor", foi a minha reação.
E ele disse:
- "Ah, desculpe-me também, eu simplesmente nem te vi!"
Nós fomos muito educados um com o outro, aquele estranho e eu.
Então, nos despedimos e cada um foi pro seu lado.
Mas em nossa casa, acontecem histórias diferentes.
Como nós tratamos aqueles que amamos...???
Mais tarde naquele dia, eu estava fazendo o jantar e meu filho parou do meu lado tão em silêncio que eu nem percebi. Quando eu me virei, tomei o maior susto e lhe dei uma bronca.
"Saia do meu caminho filho!"
E eu disse aquilo com certa braveza.
E ele foi embora, certamente com seu pequeno coração partido.
Eu nem imaginava como havia sido rude com ele.
Quando eu fui me deitar, eu podia ouvir a voz calma e doce de Deus me dizendo:
- "Quando falava com um estranho, quanta cortesia você usou! Mas com seu filho, a criança que você ama, você nem sequer se preocupou com isso! Olhe no chão da cozinha, você verá algumas flores perto da porta. São flores que ele trouxe pra você. Ele mesmo as pegou; a cor-de-rosa, a amarela e a azul. Ele ficou quietinho para não estragar a surpresa e você nem viu as lágrimas nos olhos dele."
Nesse momento, eu me senti muito pequena.
E agora, o meu coração era quem derramava lágrimas.
Então eu fui até a cama dele e ajoelhei ao seu lado.
- "Acorde filhinho, acorde. Estas são as flores que você pegou pra mim?"
Ele sorriu:
- "Eu as encontrei embaixo da árvore. Eu as peguei porque as achei tão bonitas como você! Eu sabia que você iria gostar, especialmente da azul."
Eu disse:
- "Filho, eu sinto muito pela maneira como agi hoje. Eu não devia ter gritado com você daquela maneira."
- "Ah mamãe, não tem problema, eu te amo mesmo assim!!"
- "Filho, eu também te amo. E eu adorei as flores, especialmente a azul."
Você já parou pra pensar que, se morrermos amanhã, a empresa para qual trabalhamos poderá facilmente nos substituir em uma questão de dias.
Mas as pessoas que nos amam, a família que deixamos para trás, sentirão essa perda para o resto de suas vidas.
E nós raramente paramos pra pensar nisso.
Às vezes colocamos nosso esforço em coisas muito menos importantes que nossa família, que as pessoas que nos amam, e não nos damos conta do que realmente estamos perdendo.
Perdemos o tempo de sermos carinhosos, de dizer um "Eu te amo", de dizer um "Obrigado", de dar um sorriso, ou de dizer o quanto cada pessoa é importante pra nós.
Ao invés disso, muitas vezes agimos com rudeza, e não percebemos o quanto isso machuca os nossos queridos.

A família é o nosso maior bem!!!