abadiaemfoco

quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

Nascidos antes de 1980



Pensando bem, é difícil acreditar que estejamos vivos até hoje!
Quando éramos pequenos, viajávamos de carro sem cintos de segurança, sem ABS e sem air-bags.
Os vidros de remédios ou as garrafas de refrigerantes  não tinham nenhum tipo de tampinha especial, nem data de validade.
E tinham também aquelas bolinhas de gude, que vinham embaladas sem instruções de uso.
 

A gente bebia água da chuva, da torneira e nem conhecia água engarrafada. Que horror!
Andávamos de bicicleta sem usar nenhum tipo de proteção e passávamos as tardes construindo nossas pipas ou nossos carrinhos de rolimã...

A gente se jogava nas ladeiras e esquecia que não tinha freios, até que déssemos de cara com a calçada ou com uma árvore e,  depois de muitos acidentes de percurso, aprendíamos a resolver o problema, sozinhos!
Nas férias, saíamos de casa de manhã e brincávamos o dia todo; nossos pais, às vezes não sabiam exatamente onde estávamos, mas sabiam que não estávamos em perigo.

Não existiam os celulares. Incrível!
A gente procurava encrenca. Quantos machucados, ossos quebrados e alguns dentes moles dos tombos.
Ninguém denunciava ninguém.  Eram só 'acidentes' de moleques;  na verdade, nunca encontrávamos um culpado.
Você lembra destes incidentes?  Janelas quebradas, jardins destruídos,  as bolas que caíam no terreno do vizinho... Existiam as brigas e, às vezes, muitos pontos roxos. Mesmo que nos machucássemos e chorássemos,
passava rápido; na maioria das vezes, nem mesmo nossos pais vinham a descobrir.

A gente comia muito doce, pão com muita manteiga, mas ninguém era obeso. No máximo, um gordinho saudável. Nem se falava em colesterol.

A gente dividia uma garrafa de suco, refrigerante ou até uma cerveja escondida,  em três ou quatro moleques, e ninguém morreu por causa de vermes!
Não existia o Playstation, nem o Nintendo.
Não tinha TV a cabo, nem videocassete, nem Computador, nem Internet...
Tínhamos, simplesmente, amigos!
A gente andava de bicicleta ou à pé. Íamos à casa dos amigos, tocávamos a campainha, entrávamos e conversávamos.
Sozinhos, num mundo frio e cruel, sem nenhum controle.
Como sobrevivemos?

Inventávamos jogos: com pedras, feijões ou cartas.
Brincávamos com pequenos monstros: lesmas, caramujos, e outros animaizinhos, mesmo se nossos pais nos dissessem para não fazer isso!
Os nossos estômagos nunca se encheram de bichos estranhos!
No máximo, tomamos algum tipo de xarope contra vermes e outros monstros destruidores, um tal de óleo de rícino!
Alguns estudantes não eram tão inteligentes quanto os outros e tiveram que refazer a segunda série.
Que horror!

Não se mudavam as notas e ninguém passava de ano, mesmo passando. As professoras eram insuportáveis! Não davam moleza.

Os maiores problemas na escola eram: chegar atrasado, mastigar chicletes na classe ou mandar bilhetinhos falando mal da professora. Correr demais no recreio ou matar aula, só para ficar jogando bola no campinho.
As nossas iniciativas eram 'nossas' mas, as conseqüências também. Ninguém se escondia atrás do outro.

Os nossos pais eram sempre do lado da Lei quando transgredíamos a regras.
Se nos comportávamos mal, nossos pais nos colocavam de castigo e, por incrível que pareça, nenhum deles foi preso por isso.
Sabíamos que, quando os pais diziam 'não', era 'não'.

A gente ganhava brinquedos no Natal ou no aniversário,  não todas as vezes que ia ao supermercado.
Nossos pais nos davam presentes por amor, nunca por culpa.
Nossas vidas não se arruinaram porque não ganhamos tudo o que gostaríamos, que queríamos...

Esta geração produziu muitos inventores, artistas, amantes do risco e  ótimos 'solucionadores' de problemas.
Nos últimos 50 anos, houve uma desmedida explosão de inovações, tendências.
Tínhamos liberdade, sucessos, algumas vezes problemas e desilusões, mas tínhamos muita responsabilidade.

Não é que aprendemos a resolver tudo, e sozinhos?
Se você é um destes sobreviventes, parabéns.
Você curtiu os anos mais felizes de sua vida.
É isso...........

terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

Eita sô!

A busca por informações que possam realmente interessar aos internautas é uma luta constante deste redator. Muitas pessoas me pedem para falar do descaso "político", das mazelas da cidade e das coisas erradas, principalmente. Porém, muito mais necessário é a interação que temos mantido até agora. Não posso ficar falando só de política, nem só das coisas "erradas". Por isso vamos, dando continuidade ao sistema do blog, falar de tudo um pouco. E hoje, neste dia bonito de fevereiro, vou refletir sobre o aumento do piso salarial para professores.

O aumento de 22% do piso nacional do magistério anunciado ontem (27) pelo Ministério da Educação (MEC) terá um impacto de 1,6 bilhão nas contas das prefeituras. Os dados constam de levantamento da Confederação Nacional dos Municípios (CNM). A estimativa, que leva em conta informações referentes a 2.039 cidades, foi feita a partir da diferença entre as médias salariais pagas hoje a professores das redes municipais e o piso de R$ 1.451 para 2012 fixado pelo MEC.

Aprovada em 2008, a Lei do Piso determina que nenhum professor de escola pública, com formação em nível médio, pode receber menos do que o valor determinado por uma jornada de 40 horas semanais. O piso refere-se apenas ao vencimento base e o cálculo para o pagamento não pode incluir outras vantagens como gratificações e adicionais. De acordo com o estudo da CNM, os salários-base para professores com jornada de 40 horas e nível médio variaram nas cidades pesquisadas entre R$ 316,80 e R$ 2.439,14.

Aqui em Martinho Campos, provavelmente teremos um acréscimo no salário dos docentes municipais. Muito importante tal feito pois, na maioria das vezes, um professor é arrimo de família e, portanto, precisa de um salário mais digno para viver.


Veja abaixo um vídeo onde uma professora (das nossas) foi entrevistar um mestre de obras para um trabalho da Unipac



segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

Eleições 2012


Os conchaves entre partidos, as barganhas pelo poder e as articulações políticas tomam um vigor extra, agora, após o carnaval, rumo às negociações e finalmente às convenções partidárias que, entre 10 e 30 de junho próximo, serão realizadas no intuito de escolherem os candidatos a prefeito, vice e vereadores nas mais de 5000 cidades brasileiras, dentre elas a charmosa e querida Badia.
O ano de 2012 promete muito, pois, diferentemente da eleição anterior agora temos uma mídia muito mais poderosa enquanto a Lei aperta ainda mais o cerco contra a compra de votos, a consolidação da Ficha Limpa e a transparência dos atos dos órgãos públicos.
Enquanto os partidos se articulam entre si e entre os pré-candidatos temos a oportunidade de filosofar sobre a sucessão municipal, preocupando-se principalmente em quem vamos votar. Temos vários caminhos, porém o mais correto é o conhecimento dos partidos, dos candidatos e das pessoas que apadrinham tais campanhas. Fazendo essa meditação e conhecendo a estrutura política como um todo poderemos escolher com mais certeza e com menos chances de errar por quatro anos.

E o bebezão desencantou!

Relembrando seus velhos tempos de Santos o atacante André, do Galo Doido, marcou três no Guarani daqui de Divinópolis , "perto de nóis", consolidando uma vitória de 4x0, neste domingo próximo passado. Com isso o Atlético assumiu a ponta do campeonato Mineiro, pelo menos até quarta-feira quando o América faz a partida de encerramento da quarta rodada do estadual.
O campeonato vem meio morno, mas mesmo assim empolga as torcidas de Cruzeiro, Atlético, América e as do interior do Estado. Porque futebol é uma paixão nacional.
Aqui em Martinho Campos temos que nos contentar com as transmissões pela TV pois não temos um campeonato municipal que empolgue os torcedores do Abadia, União, Ipiranga, Guarani, Cosmos.......
Quem sabe um dia tenhamos !!!!!

sábado, 25 de fevereiro de 2012

Cada Coisa


Ô gentennnnnnte! Tem tanta  coisa absurda na net e em Martinho Campos que resolvi falar um pouco!
Ao vir de Ibitira para Martinho Campos, no feriadão de carnaval, em meu possante, me deparei com uma cena incomum no meio da estrada. Dois caboclos , acho eu que são do Zaque Zou (Alberto Isaacson), estavam brigando, no meio da estrada, no meio da rodovia, no centro do caminho. Porrada pra cá, porrada pra lá e aquela algazarra. Felizmente foram pro acostamento e lá continuaram suas divergências.
Parei o carro, pois caso acontecesse algo mais grave levaria , quem precisasse, para o hospital ou para o hospício. Todavia, foi grande meu espanto! Depois de vários minutos dando sopapos, os dois se levantaram, se abraçaram e foram, em suas motocas , para Badia. Pode?!
Tô com medo que o mundo realmente acabe!!!!!

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

Só na Badia


Eleições


Neste ano o mês de fevereiro terá 29 dias devido ao fato de 2012 ser um ano bissexto. Será um dia a mais para conversarmos sobre política, futebol e religião (rs, rs rs) com maior foco na política, pois neste ano teremos eleições municipais para a escolha de 09 (pra que isto tudo) vereadores, um prefeito e um vice.
Sugerir  que uma eleição seja lógica não significa dizer que os resultados da mesma sejam previsíveis como a matemática, porque os eleitores não são exatos em seus ideais e posicionamentos. Porém, é possível prever, no caso da Badia, um elevado embate pela cadeira da Prefeitura, com pelo menos três candidatos (um da situação e dois de oposição) sem, todavia, antever resultados.

O que mais me impressiona é a peleja, antes da hora, por uma vaga nas cadeiras da Câmara e nas poltronas confortáveis da prefeitura. Muitos dos vários pré-candidatos já estão na rua fazendo o famoso corpo a corpo no intuito de garantir votos em outubro. E olha que tem de tudo viu?!

O sucesso ou não das candidaturas tende a ser muito forte na escolha de um candidato, tendo o posicionamento e avaliação desse (e do próprio eleitor) a favor ou contra a administração em curso, a satisfação ou não das expectativas enquanto cidadão e enquanto eleitor.

Claro que o objeto de poder, centrado nas mãos desses políticos, sugerem uma distância entre o eleitor e os mesmos após as eleições, mas o que ocorre é simplesmente a transformação dessas pessoas em funcionários do município, tendo todos os cidadãos votantes como patrões, coisa que não exercemos de maneira satisfatória.

Para este ano, bissexto por sinal, teremos novamente uma eleição municipal aqui em Martinho Campos e será, queira Deus, um momento para refletirmos sobre o futuro da cidade que está em nossas mãos.

O abadiaemfoco estará sempre posicionando-se sobre as eleições municipais 2012, principalmente no intuito de garantir aos internautas um conhecimento sobre os possíveis candidatos e uma eleição honesta e promissora, onde os vencedores façam da Abadia um lugar ainda melhor.

E que Nossa Senhora nos proteja!!!!!!!

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

Agradando a mãe...



Três filhos (abadienses natos) saíram de casa, conseguiram bons empregos e prosperaram.
Anos depois, eles se encontraram e estavam discutindo sobre os presentes que eles conseguiram comprar para a mãe, que já era bem idosa.
O primeiro disse:
- “Eu consegui comprar uma casa enorme para nossa mãe.”
O segundo disse:
- “Eu mandei para ela uma Ferrari zerinho com motorista.”
O terceiro sorriu e disse:
- “Certamente meu presente foi melhor. Vocês sabem como a mamãe gosta da Bíblia, mas ela está praticamente cega e não consegue mais ler. Então mandei pra ela um papagaio marrom raro que consegue recitar a Bíblia todinha. Foram 12 anos de treinamento num mosteiro, por 20 monges diferentes. Eu tive de doar US$ 100,000.00 para o mosteiro,mas valeu a pena. Nossa mãe precisa apenas dizer o capítulo e versículo que o papagaio recita sem um único erro.”
  Tempos depois, cada  filho recebeu da mãe uma carta de agradecimento pelos presentes:
Primeiro:
- “Marlon, a casa que você comprou é muito grande. Eu moro apenas em um quarto, mas tenho de limpar a casa todinha…”
Segundo:
- “Maycon, eu estou muito velha pra sair de casa e viajar. Eu fico em casa o tempo todo e nunca uso o Mercedes que você me deu. E o motorista também é muito mal educado…”
Terceiro:
- “Querido Marvin, você  foi o único filho que teve bom senso pra saber que o que a sua mãe realmente gosta é de coisas simples.
Aquele franguinho estava delicioso, muito obrigada.”

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012



O desequilíbrio quanto ao uso da Língua Portuguesa é, deveras, um grande desafio aos pais e educadores de nossas crianças e jovens, principalmente em regiões sertanejas como nossa querida “Badia”.
Da mesma forma como já ensinaram a população uma matemática diferente, onde um salário mínimo precisa render o suficiente para bancar uma família inteira, agora o que entrou em vigor foi o mais novo "jeitinho" brasileiro de usar a gramática.
Pouco importa se o Waldim (filho do Geriowaldo) da quarta série do ensino fundamental vai usar o "ocê" no lugar do "você" ou vice-versa. A língua portuguesa que tome nota e aceite que se alguém entendeu o que outro escreveu, então está tudo correto.
O que interessa para o MEC, a Secretária de Educação e escolas é que se tudo pode ser feito na base do "entendi", para que dificultar e querer falar bonito, não é mesmo? Para que dicionários e livros do bom e velho português, se hoje, o certo é falar errado? E “pobrema” de quem vê problema nisso! Uma hora acostuma.
Claro que ninguém se vê doutor em Português aqui na cidade da alegria, mas escrever corretamente deve sim ser ensinado aos educandos para que não ocorram erros grosseiros conforme veremos nas fotos abaixo.









Quarta-feira de cinzas










Uma das frases – no momentio da imposição das cinzas – serve de lembrete para nós: 'Lembra-te que do pó viestes e ao pó, hás de retornar.' A cinza quer demonstrar justamente isso; viemos do pó, viemos da cinza e voltaremos para lá, mas, precisamos estar com os nossos corações preparados, com a nossa alma preparada para Deus.
A Quarta-feira de Cinzas leva-nos a visualizar a Quaresma, exatamente para que busquemos a conversão, busquemos o Senhor. A liturgia do tempo quaresmal mostra-nos a esmola, a oração e o jejum como o princípios da Quaresma.
A própria Quarta-feira de Cinzas nos coloca dentro do mistério. É um tempo de muita conversão, de muita oração, de arrependimento, um tempo de voltarmos para Deus.
Eu gosto muito de um texto do livro das Crônicas que diz: “Se meu povo, sobre o qual foi invocado o meu nome, se humilhar, se procurar minha face para orar, se renunciar ao seu mau procedimento, escutarei do alto dos céus e sanarei sua terra” (II Cr 7, 14).
A Quaresma é tempo conversão, tempo de silêncio, de penitência, de jejum e de oração.
Pergunto para Deus: “Senhor, que queres que eu faça”? - mesma pergunta de São Francisco diante do crucifixo. Mas, geralmente, a minha penitência é ofertar algo de que eu gosto muito para Deus neste tempo quaresmal. Você, que fuma, por exemplo, deixe de fazê-lo na Quaresma. Tenho certeza de que após esse tempo quaresmal Deus o libertará do vício do cigarro. Você, que bebe, não beba, permitindo que o próprio Deus o leve à conversão pela penitência que você está fazendo. Talvez você precise fazer penitência da língua, da fofoca. Escolha uma coisa concreta e não algo que, de tão abstrato, não vai levá-lo a nada. Faça penitência de novela, você que as assiste. Tem de ser algo que o leve à conversão.
O Espírito Santo o levará à penitência que você precisa fazer nesta Quaresma.

Enfim acabou! Carnaval agora só em 2013


É meus caros do blog, o carnaval acabou, a chuva voltou e o dia brilhou. A colombina caiu, o palhaço chorou, o bobo da corte sorriu e enfim amanheceu a quarta-feira de cinzas na cidade mais linda do centro-oeste mineiro das gerais, uai!
Para fazer um balanço podemos dizer que o carnaval em Martinho Campos foi razoável, salvo pela animação dos moradores e visitantes e ainda pela acolhida aos familiares que vieram buscar tranquilidade. Ao contrário do que aconteceu em Pompéu e Abaeté, nossas vizinhas, onde o carnaval foi realmente sensacional. Bom pra eles e exemplo para os organizadores da festa de momo na Badia, que a partir de agora terão que rever conceitos, por a mão no bolso e organizar alguma coisa melhor para o ano de 2013. Parabéns, no entanto, ao empenho da prefeitura e ao Castelo pela organização da Baratona.
Este blogueiro e artista político nas horas vagas, durante a festa momesca, frequentou alguns sítios e ranchos a procura de paz e harmonia, entre uma farra e outra. Por isso agora compartilho com vocês algumas fotos tiradas nesta ocasião.







sábado, 18 de fevereiro de 2012

Sexta-feira, 1º dia de Carnaval em Martinho Campos


O Carnaval na Badia começou firme nesta sexta-feira, prometendo muita folia para os quatro dias restantes. Apesar de não ser uma Abaeté, uma Pompéu, uma Bahia, um sambódromo, etc, Abadia traduz seu carnaval na simpatia e alegria de seus moradores.
A prefeitura se esforça para manter o carnaval na rua e o povo agradece.
É isso aí. Temos que valorizar nossas tradições.


Geriowaldo e a Princesa do carnaval da Badia
Ele passou com seu arco-flecha e capuz verde por debaixo do antigo sobrado. Acendeu num cigarro e esperou-a aparecer.
A folia seguia pelas sombras da madrugada, casais se pegavam nas ladeiras e bêbados cambaleantes procuravam local para mijar e vomitar enquanto tambores e buzinas noturnas difundiam as últimas golfada de folia daquela noite.
Geriowaldo limpava os confetes do capuz quando a princesa surgiu na sacada. Era encantadora. Seus cabelos volitavam ao vento, luzinhas piscavam na coroa recém recarregada na tomada e a lua refletia naqueles lindos olhos redondos de Capitu mamada.
Geriowaldo pensou em escalar e roubar um beijo, mas um Rufião Alado surgiu das sombras e confortou a solidão da donzela. Ele tinha o corpo besuntado em óleo, uma das asas de isopor quebrada e segurava a cerveja enquanto tentava arrumar o cinto de prata. Tinha ainda um dente de ouro e um peitoral maior que o Everest.
Geriowaldo não se intimidou. Resolveu subir; claro que esperou o rufião sair primeiro para pegar outra cerveja. De joelhos se declarou, prometeu a lua, um reino, um império, um churros, mas a princesa não o quis. Olhou triste e pediu para sair. “Pede pra sair, pede.”

Foto abaixo mostrando o carnaval da Badia há muitos anos atrás....

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

Para sorrir e encarar a Maratona do Carnaval na Badia


Lei de MURPHY :
"Se alguma coisa pode dar errado, com certeza dará".

Legislação complementar às Leis de Murphy: LEIS E PRINCÍPIOS DEMONSTRADOS EMPIRICAMENTE:

"O seguro cobre tudo, menos o que aconteceu" ( Lei de Nonti Pagam).

"Quando você estiver com apenas uma mão livre para abrir a porta, a chave estará no bolso oposto."
(Lei de Assimetria, de Laka Gamos).


"Quando tuas mãos estiverem sujas de graxa, vai começar a te coçar no mínimo o nariz."
(Lei de mec
ânica de Tukulito Tepyka).

"N
ão importa por que lado seja aberta a caixa de um medicamento. A bula sempre vai atrapalhar."
(Princ
ípio de Aspirinovisk).

"Quando voc
ê acha que as coisas começam a melhorar, é porque algo te passou despercebido."
(Primeiro teorema de Tamus Ferradus)

"Sempre que as coisas parecem f
áceis, é porque não entendemos todas as instruções."
(Principio de Atrop Lado)

Os problemas n
ão se criam, nem se resolvem, só se transformam."
(Lei da persist
ência de Waiterc Pastar)

"Voc
ê vai chegar ao telefone exatamente a tempo de ouvir quando desligam."
(Principio de Ring A. Bell)

"Se s
ó existirem dois programas que valham a pena assistir, os dois passarão na mesma hora."
(Lei de Putz Kiparil)

"A probabilidade que voc
ê se suje comendo é diretamente proporcional à necessidade que você tem de estar limpo."
(Lei de Kika Gadha)


"A velocidade do vento é diretamente proporcional ao preço do penteado."
(Lei Meteorol
ógica Pagá Barbero )

"Quando, depois de anos sem usar, você decide jogar alguma coisa fora, vai precisar dela na semana seguinte."
( Lei irrevers
ível de Kitonto Kifostes)

"Sempre que voc
ê chegar pontualmente a um encontro não haverá ninguém lá para comprovar, e se ao contrário, você se atrasar, todo mundo terá chegado antes de você."
(Princ
ípio de Tardelli e Esgrande La de Mora)

LEIS DA ATRA
ÇÃO (COISAS QUE SE ATRAEM SEM ESFORÇO NENHUM):
Pobre e funk
Mulher e vitrines
Homem e cerveja
Chifre e dupla sertaneja
Carro de b
êbado e poste
Tampa de caneta e orelha
Moeda e carteira de pobre
Tornozelo e pedal de bicicleta
Leite fervendo e fog
ão limpinho
Pol
ítico e dinheiro público
Dedinho do p
é e ponta de móveis
Camisa branca e molho de tomate
Tampa de creme dental e ralo de pia
Caf
é preto e toalha branca na mesa
Dezembro na Globo e Roberto Carlos
Segundas-feiras e sono
Ter
ças-feiras e sono
Quartas-feiras e sono
Quintas-feiras e sono
Sextas-feiras e cervejaaaaaaaaaaaaaaaaa
Chuva e carro trancado com a chave dentro
Dor de barriga e final de rolo de papel higi
ênico
Bebedeira e mulher feia


1- LEIS BÁSICAS DA CIÊNCIA MODERNA:
* Se mexer, pertence à Biologia.
* Se feder, pertence
à Química.
* Se n
ão funciona, pertence à Física.
* Se ningu
ém entende, é Matemática.
* Se n
ão faz sentido, é Economia ou Psicologia.
* Se mexer, feder, n
ão funcionar, ninguém entender e não fizer sentido, é INFORMÁTICA.

2- LEI DA PROCURA INDIRETA:
* O modo mais rápido de encontrar uma coisa é procurar outra.
* Voc
ê sempre encontra aquilo que não está procurando.

3- LEI DA TELEFONIA:
* Quando te ligam: se você tem caneta, não tem papel. Se tiver papel, não tem caneta. Se tiver ambos, ninguém liga.
* Quando voc
ê liga para números errados de telefone, eles nunca estão ocupados.
* Par
ágrafo único: Todo corpo mergulhado numa banheira ou debaixo do chuveiro faz tocar o telefone.

4- LEI DAS UNIDADES DE MEDIDA:
* Se estiver escrito 'Tamanho Único', é porque não serve em ninguém, muito menos em você...

5- LEI DA GRAVIDADE:
* Se você consegue manter a cabeça enquanto à sua volta todos estão perdendo, provavelmente você não está entendendo a gravidade da situação..

6- LEI DOS CURSOS, PROVAS E AFINS:
* 80% da prova final será baseada na única aula a que você não compareceu e os outros 20% será baseada no único livro que você não leu.

7- LEI DA QUEDA LIVRE:
* Qualquer esforço para agarrar um objeto em queda provoca mais destruição do que se o deixássemos cair naturalmente.
* A probabilidade de o p
ão cair com o lado da manteiga virado para baixo é proporcional ao valor do carpete.

8- LEI DAS FILAS E DOS ENGARRAFAMENTOS:
* A fila do lado sempre anda mais rápido.
* Par
ágrafo único: Não adianta mudar de fila. A outra é sempre mais rápida.

9- LEI DA RELATIVIDADE DOCUMENTADA:
* Nada é tão fácil quanto parece, nem tão difícil quanto a explicação do manual.

10- LEI DO ESPARADRAPO:
* Existem dois tipos de esparadrapo: o que não gruda e o que não sai.

11- LEI DA VIDA:
* Uma pessoa saudável é aquela que não foi suficientemente examinada. 
* Tudo que
é bom na vida é ilegal, imoral, engorda ou engravida.

12- LEI DA ATRAÇÃO DE PARTÍCULAS:
*Toda partícula que voa sempre encontra um olho aberto"

(Enviado por um amigo pela internet)