abadiaemfoco

sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

RETROSPECTIVA 2011


Quando termina o ano temos a mania de lembrar acontecimentos que marcaram. E em nossa querida e pacata Martinho Campos da Badia não é diferente. Por isso trago a todos amigos a RETROSPECTIVA 2011  de nossa cidade. Se alguém souber de mais fatos relevantes (rs rs rs) favor me enviar que eu colocarei na retrospectiva. Os que aqui estão são os que lembrei.....

Janeiro
Picão sobe e todos ficam felizes;
Loja de R$9,99 faz liquidação de Bota Fora;
Buracos nas rodovias dificultam vida de motoristas;
Dilma assume sua condição: Presidente do Brasil e de Martinho Campos.
Mais 200ha de terra são transformados em plantação de eucalipto;
Vereadores ainda de férias?????

Fevereiro
Picão ainda com muita força;
Início das aulas das escolas da Badia;
Praia do Nozinho registra mais de 10000 visitantes; porém , a maioria, poluindo o Rio Pará;

Março
Picão desce lentamente;
Carnaval da Badia fica tão imenso que é dividido com Abaeté. Baratona faz sucesso e muitos bebuns;
Ligurita racha “us bico” de ganhar dinheiro;

Abril
Comemoração do dia da mentira (aqui na Badia leia-se Fofoca);
Loja de R$9,99 passa para R$10,00;
Os martinhocampenses assistiram (via televisão ) o casamento real de Willian e Kate;
Sexta-feira da paixão realmente caiu na sexta. Cerimônia de Martinho Campos nota 10, apesar da morte de Nosso Senhor;
Maio
Morte de Osama Bin Ladem (muitos dizem que ele passou férias em Martinho Campos,  pescando no Rio São Francisco);
Invasão de pernilongos em toda grande Martinho Campos;
Córrego do Bambé recebe todo o excremento da rede de esgoto;

Junho
Ligurita eleita pinga mais gostosa das festas juninas;
Continua o enxame de pernilongos, moscas etc...
Julho
XVIII Forró na Praça, que curiosamente acontece na Rua e não na Praça;
Terror para os bovinos e suínos: Churrascão do Curral
Agosto
Início das filiações e troca de partidos para eleições 2012;
Festa de Nossa Senhora de Abadia em grande estilo;
Festa de Santa Rosa de Lima no “Beirute”;


Setembro
Desfile tradicional de Sete de Setembro (mais de 100 anos) da Escola Geraldo de Assis;
Bar do Enaldo e Bar do Geraldo C” eleitos os melhores do ano;
Pés de ipê floridos;

Outubro
Festa de Nossa Senhora Aparecida;
Loja de R$10,00 passa para R$11,99;
Nascimento do blog que ora vos agracia;
Dia das crianças sem Nada, nadica de nada...

Novembro
Limpeza anual do cemitério para visitação;
Ligurita bate recorde de vendas no dia de Finados e no dia da Proclamação da República;
Concurso Garota Alberto Isaacson mostra a beleza de nossa terra;
Baile da Primavera com Brasil 70;

Dezembro
Picão sobe de novo, agora com mais força;
Atlético em jogo beneficente perde de seis para a Raposa;
Aniversário de Martinho Campos, 73 anos fora de Pitangui.
Papai Noel é roubado da praça da Matriz;
Ligurita  bate recorde de vendas no natal;
Aniversário do redator deste canal;
Cai chuva que é uma beleza;

quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

Cinema no Nordeste





  Para uma fácil aceitação da população
nordestina, os cinemas locais mudam os nomes dos filmes. Veja abaixo o nome de alguns filmes que já foram mudados pelos nordestinos.


Uma Linda Mulher
A Cabrita Aprumada


O
Chefão
O Coroné Arretado


O Exorcista
Arreda Capeta!



Os Sete Samurais
Os Jagunço di Zóio Rasgado



Godzila
O Calangão


Os Brutos Também Amam
Os Vaquero Baitola



Sansão e Dalila
O Cabiludo e a Quenga


Perfume de Mulher
Cherim di Cabocla


Tora, Tora, Tora!
Oxente, Oxente, Oxente!



Mamãe faz cem anos
Mainha num Morre Mais!


Guerra 
nas Estrelas
Arranca-rabo nu Céu



Um Peixe Chamado Wanda
O Lambarí cum nomi di Muié


Noviça Rebelde
Beata Increnquera



O Corcunda de Notre Dame
O Monstrim da Igreja Grandi


O Fim dos Dias
Nóis Tamo é Lascado


Um Cidadão Acima de Qualquer Suspeita
Um Cabra Pai D' égua di Quem Ninguém Discunfia



Os Filhos do Silêncio
Os Minino du Mudim


A Pantera Cor-de-rosa
A Onça Aviadada

terça-feira, 27 de dezembro de 2011

Calambau e Abadia



De Calambau a Presidente Bernardes e, agora, tentativa de plebiscito pra voltar a Calambau, antigo nome do município, outrora pertencente a Piranga.
Até já houve essa mudança na década de 80, porém foi revertida e o município se chama Presidente Bernardes em homenagem ao presidente da República Artur Bernardes, mineiro de Viçosa.
A história da pequena cidade de Presidente Bernardes não é nova nem exclusiva. Muitas outras cidades mineiras têm vontade de ver seu primeiro nome como adjetivo pátrio. É o caso de Martinho Campos que, até 1938 – ano de sua emancipação política de Pitangui, se chamava Abadia, nome dado pelos fundadores da cidade em homenagem à Santa de Portugal.
Para muitos Abadia soa melhor que Martinho Campos, já para uma grande maioria (mais jovens) o nome oficial é mais lembrado e mais falado. Os mais nostálgicos  amam o nome Abadia, apesar de não contestarem a homenagem dada ao político nascido na região: Martinho Campos.
Sabemos que muitas vezes essa troca de nomes é feita por motivos meramente políticos, mas infelizmente no Brasil, apesar dos vexames da corrupção e do despreparo de alguns políticos,  ainda são eles que elaboram e votam as leis....
Longe dos palcos da política Martinho Campos e Presidente Bernardes seguem suas vidas de pequenas e pacatas cidades do interior das Gerais. Enquanto Calambau e Abadia são lembradas por seus mais saudosos e entusiastas moradores.



“No Forró da Praça”

Abadia, terra linda, interior das Gerais, tava lá, no centro da metrópole,  o "Forró na Praça" comendo solto!

A Geriowanda (jovem filha do nosso amigo Geriowaldo) , bonitinha, gente humilde, se preparou toda para ir ao baile.

Em lá chegando, um rapaz feio, desengonçado, que transpirava e suava muito se aproximou dela e a convida para dançar.

Ela, então, coitada. . . Para não arrumar confusão, acaba aceitando.

Mas o rapaz realmente suava tanto, mas tanto, que ela já não suportando mais o fedor, disse:

- Você sua, hein?

Diante disso, o rapaz sorriu (sem dentes) apertou-a com força e respondeu:

- Também vô sê seu, minha princesa...

segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

Por que o frango atravessou a rua?



Algumas respostas:
PROFESORA PRIMÁRIA: Porque queria chegar  do outro lado da estrada.

POLIANA: Porque estava  feliz.

FAZENDEIRO: Por causa que arguem deixou a porta do galinheiro  aberta.

PLATÃO: Porque buscava alcançar o Bem.

ARISTÓTELES: É da  natureza dos frangos cruzar a estrada.

NELSON RODRIGUES: Porque viu sua  cunhada, uma galinha sedutora, do outro lado.

MARX: O atual estágio  das forças produtivas exigia uma nova classe de frangos, capazes de cruzar a  estrada.

MOISÉS: Uma voz vinda do céu bradou ao frango: cruza a estrada.  E o frango cruzou a estrada e todos se regozijaram.

ALMIR KLINK: Para  ir onde nenhum frango jamais esteve.

HIPÓCRATES: Devido a um excesso de  humores em seu pâncreas.

MARTIN LUTHER KING: Eu tive um sonho. Vi um  mundo no qual todos os frangos serão livres para cruzar a estrada sem que  sejam questionados seus motivos.

MAQUIAVEL: O frango cruzou a estrada.  A quem importa o porque? Estabelecido o fim de cruzar a estrada, é  irrelevante discutir os meios que utilizou para isso.

FREUD: A  preocupação com o fato de o frango ter cruzado a estrada é um sintoma de sua  insegurança sexual.

DARWIN: Ao longo de grandes períodos de tempo, os  frangos têm sido selecionados naturalmente, de modo que agora têm uma  predisposição genética a cruzar estradas.

EINSTEIN: Se o frango cruzou  a estrada ou a estrada se moveu sob o frango, depende do ponto de  vista.

HEMINGWAY: "To  die. Alone. In the rain."

FHC: Por que ele atravessou a estrada,  não vem ao caso. O importante é que, com o Plano Real, o povo está comendo  mais frango.

KANT: O frango seguiu apenas o imperativo categórico próprio  dos frangos. É uma questão de razão prática.

GEORGE ORWELL: Para fugir  da ditadura dos porcos.

SARTRE: Trata-se de mera faticidade. A existência  do frango está em sua liberdade de cruzar a estrada.

PINOCHET: El se fué, pero tengo  muchos penachos de el en mi mano!

ACM: Estava tentando fugir, mas  já tenho um dossiê pronto comprovando que aquele frango pertence a Jorge  Amado. Quem o pegar vai ter que se ver comigo.

FEMINISTAS: Para  humilhar a franga, num gesto exibicionista, tipicamente machista, tentando,  além disso, convencê-la de que, enquanto franga, jamais terá habilidade  suficiente para cruzar a estrada.

FUNCIONÁRIO PÚBLICO: Não sei, porque o  chefe não tá aqui agora, mas o senhor preenche estes cinco formulários, paga  a taxa no Banco do Brasil e daqui a dois meses passa aqui pra pegar a  resposta.

PDT: Para protestar contra as perdas internacionais promovidas  por esse governo neoliberal e entreguista, e apoiar a renúncia de FHC já.

MALUF: Não tenho nada a ver com isso. Pergunte ao  Pitta.

NIETZSCHE: Ele deseja superar a sua condição de frango para  tornar-se um superfrango.

CHE GUEVARA: Hay que cruzar la carretera,  pero sin jamás perder la ternura...

BLAISE PASCAL: Quem sabe? O  coração do frango tem razões que a própria razão desconhece.

SÓCRATES:  Tudo que sei é que nada sei.

PARMENIDES: O frango não atravessou a  estrada porque não podia mover-se. O movimento não existe.

GILBERTO  GIL: Essa coisa do frango que atravessa algo nos remete à questão do almoço dominical que mainha preparava na minha infância. Tem algo a ver com a  baianidade da menina malemolente atrás do frango. Por outro lado essa coisa  da estrada é de uma anterioridade que se firmou numa canção que fiz com o  Caetano, na casa de Pepeu, lá no Pelô...

CAETANO VELOSO: O frango é  amaro, é lindo, uma coisa assim amara. Ele atravessou, atravessa e  atravessará a estrada porque Narciso, filho de Canô, quisera comê-lo, ...ou  não!

DORIVAL CAYMMI : Eu acho (pausa)... - Amália, vai lá ver pra onde  vai esse frango pra mim, minha filha, que o moço aqui tá querendo  saber.

JÔ SOARES: Sem querer te interromper e já te interrompendo, você  não acha um frango ao molho pardo uma delícia que engorda?

ZIRALDO:  Era um frango maluquinho e feliz. Por isso ele vivia atravessando as estradas  de sua pequena cidade no interior de Minas.

LULA: O frango estava fugindo  porque o governo deixa o povo passar fome. O que o companheiro frango fez foi  exercer o direito que todo cidadão tem de ir atrás da comida!

JOÃO  GILBERTO: Ah, insensatez...

SURFISTA: O bicho atravessou, cara. Bicho  manêro, aí. Demaaaaais... Só...

MACONHEIRO: Foi uma  viagem...

DERCY GONGALVES: Quer saber o que eu acho deste frango?  !@#$%¨&*...

FELIPÃO: Podem falar de frango à vontade, mas na defesa eu não mexo..

sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

Isso também é Natal


Papai Noel, me portei bem este ano!

"Aviso de ultima Hora! O Natal foi cancelado, e a culpa é sua. Dissestes ao Papai Noel que te tinhas se portado bem este ano e ele MORREU! Morreu de rir!" ( Frases de natal engraçadas )

Papai Noel e as Fases da Vida

"Aprendi que o homem tem quatro idades: quando acredita em Papai Noel, quando não acredita em Papai Noel, quando é o Papai Noel e quando se parece com Papai Noell" ( Frases engraçadas sobre o Natal )

Papai Noel não é lenda

"Um político honesto, um advogado generoso e Papai Noel estavam andando pela rua quando viram uma nota de R$ 50 reais. Qual dos três a pegou? - Papai Noel, porque os outros dois não existem!"

Frase para o chefe Papai Noel

"O que é um chefe Papai Noel? - Aquele que só sabe encher o saco."

Pergunta de criança

"O menino pergunta para Papai Noel: - Papai Noel, você rói unha? E Papai Noel responde: Rou, rou, rou…"


Isso é Natal

Uma mulher  da "Badia" leva a filha de 17 anos ao médico queixando-se que a garota anda com vômitos, tonturas e que perdeu o apetite...

O médico examina a menina e conclui:
- Minha senhora, a sua filha esta grávida de três meses!!

- A minha filha?? Ela nunca esteve sozinha com um homem!! Não é verdade, minha filha??

- Eu nem nunca beijei um homem, mamãe!!

O médico aproxima-se da janela e fica calado, olhando para o infinito. Passados vários minutos, a mãe da garota, admirada, pergunta ao médico o que é que se passa, ao que ele responde:
- Da última vez que isto aconteceu, nasceu uma estrela no oriente e chegaram três Reis Magos. Desta vez não vou perder o espetáculo!!


quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

Para Refletir



Nesta época de Natal sempre tiramos conclusões da vida, como fomos durante o ano, nossas mancadas, nossos sucessos, etc.
O espírito do nascimento de Cristo nos torna mais amáveis e mais pensantes em relação ao futuro, em relação às pessoas que nos rodeiam.
Muito bonito, porém vazio se não tivermos humildade no coração.
Às vezes achamos que Natal é para darmos aquela festa, comer à vontade, se fartar, trocar presentes, etc.
Todavia devemos nos lembrar dos irmãos mais pobres, aqueles mais distantes, os que estão enfermos e sofrendo, aqueles que perderam os seus, enfim todos que não podem compartilhar de sua alegria.
Natal é tempo de confraternização sim, porém é um tempo de humanidade, pois Jesus veio ao mundo para ser o divisor das águas, para salvar todos nós pecadores. Não para fazer uma grande festa, tanto é que Ele morreu por nossa causa.
Neste tempo de sensibilidade no ar, antes de qualquer festa, antes de qualquer amigo oculto ou confraternização, vamos tirar um minuto e agradecer a Deus por nossa vida, agradecer ao Pai pelos nossos irmãos, rezar para aqueles que não gostam de nós e desejar mais paz no mundo. Seja em qual religião for. Converse com seu coração e seu pensamento.
O abadiaemfoco sempre trabalha para o bem comum das pessoas. Isso é essencial para que a vida valha a pena.



OS 3 ÚLTIMOS DESEJOS DE ALEXANDRE O GRANDE

Quando à beira da morte, Alexandre convocou os seus generais e relatou seus 3 últimos desejos:

1 - que seu caixão fosse transportado pelas mãos dos médicos da época;

2 - que fosse espalhado no caminho até seu túmulo os seus tesouros conquistados (prata, ouro, pedras preciosas...); e

3 - que suas duas mãos fossem deixadas balançando no ar, fora do caixão, à vista de todos.

Um dos seus generais, admirado com esses desejos insólitos, perguntou a Alexandre quais as razões. Alexandre explicou:

1 - Quero que os mais iminentes médicos carreguem meu caixão para mostrar que eles NÃO têm poder de cura perante a morte;

2 - Quero que o chão seja coberto pelos meus tesouros para que as pessoas possam ver que os bens materiais aqui conquistados, aqui permanecem;

3 - Quero que minhas mãos balancem ao vento para que as pessoas possam ver que de mãos vazias viemos e de mãos vazias partimos.

O tio do Geriowaldo


O Geriowaldo tinha um tio, lá pelas bandas do Logradouro, que tinha formado  para ser padre.
Trabalhou muitos anos noutra cidade e, depois, de muita experiência, veio para “Abadia” celebrar as missas na bela Matriz, nos distritos e povoados.
A missa do tal padre era muito demorada (mais ou menos 02 horas só de sermão), deixando os fiéis sempre muito cansados.
Com o tempo o padre quis mudar o horário da missa de domingo (de 07h para as 10h). Avisou os paroquianos que no próximo domingo seria assim, pois tinha que celebrar antes na Ibitira e em Alberto Isaacson.
O povo, porém, não gostou da mudança, pois nesse horário as mulheres estariam preparando o almoço e ouvindo o Programa de Domingo da rádio Criativa.
Pois bem, chegou então o domingo. O padre, após celebrar as missas nos distritos chegou em Martinho Campos, faltando 10 para 10 e entrou na sacristia para se preparar para a celebração. Quando foi a hora ele saiu para o altar, foi aí que ele viu que só tinha um velho fazendeiro, sentado no banco da frente, esperando a missa.
O padre, já pensando em desistir de celebrar, chega perto do Matuto e fala: ___Meu senhor, acho que vai ser meio difícil para eu celebrar a missa não é?
O velho então responde:
___ Olha seu padre, eu num entendo nada de missa não. Eu entendo é de vaca, boi, bezerro, capim...Mas, se eu  fosse para tirar leite e só encontrasse uma vaca no curral eu não deixava ela na mão não, tirava o leite dela.
Aí o padre arregalou os olhos e achou melhor celebrar a missa só pro Matuto. Aí foi aquela senhora missa (três horas), até que o padre terminasse. Depois, se "achegando" do velho,  pergunta:
___ E aí meu senhor, o que achou?
___ Olha seu padre, eu num entendo nada de missa não. Eu entendo é de vaca, boi, bezerro, capim...Mas, se eu  fosse alimentar as vacas e tivesse só uma no cocho eu não matava ela de cumê não!

Coisas do Poder Público


Durante 09 anos trabalhei na Prefeitura Municipal de Martinho Campos. Lá pude aprender muito sobre documentação e como funciona o poder público. Tenho vários amigos lá dentro e torço para que todas , eu disse TODAS  as administrações deem certo.
Em se falando de documentação um fato curioso me veio à mente agora. O andar da carruagem. Os trâmites para se fazer chegar um aviso, no serviço público, aos funcionários em geral, passa por vários setores, o que às vezes pode ser muito mal compreendido. Veja um caso ocorrido em nossa região.

PREFEITURA MUNICIPAL
COMUNICADO INTERNO
DE: Prefeito Municipal
PARA: Chefe de Gabinete
        Na próxima sexta-feira, aproximadamente às 17h, o cometa Halley estará nesta área. Trata-se de um evento que ocorre somente a cada 78 anos.
        Assim, por favor, reúna os funcionários no pátio da Prefeitura, todos usando capacete de segurança, quando esclarecerei o fenômeno a eles.
        Se estiver chovendo, não poderemos ver o raro espetáculo a olho nu, sendo assim, todos deverão se dirigir ao salão da Câmara, onde será exibido um filme documentário sobre o cometa Halley.
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------
DE: Chefe de Gabinete
PARA: Secretária Executiva
        Por ordem do Exmo. Senhor Prefeito, na sexta-feira, às 17 horas, o cometa Halley vai aparecer sobre a Prefeitura. Se chover, por favor, reúna os funcionários, todos de capacete de segurança e os encaminhe à Câmara, onde o raro fenômeno terá lugar, o que acontece a cada 78 anos a olho nu.
------------------------------------------------------------------------------------------------------------
DE: Secretária Executiva
PARA: Secretário de Administração
        A convite de nosso querido prefeito, o cientista Halley, 78 anos, vai aparecer nu na Câmara usando capacete, pois vai ser apresentado um filme sobre o problema da chuva na segurança.
O prefeito levará a demonstração para o pátio da Prefeitura.
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
DE: Secretário de Administração
PARA: Diretor de eventos
        Na sexta-feira, às 17h, o prefeito pela primeira vez em 78 anos, vai aparecer na Câmara para filmar o Halley nu, o cientista famoso e sua equipe.
Todo mundo deve estar lá de capacete, pois vai ser apresentado um show sobre a segurança na chuva.
O prefeito levará a banda para o pátio da Prefeitura.
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------

DE: Diretor de Eventos
PARA: Funcionários
        Todo mundo nu, sem exceção, deve estar com os seguranças no pátio da prefeitura na próxima sexta-feira, às 17h, pois o manda-chuva (Prefeito) e o Sr. Halley, guitarrista famoso, estarão lá para mostrar o raro filme “Dançando na Chuva”.
Caso comece a chover mesmo é para ir à Câmara de capacete na mesma hora. O Show será lá, o que ocorre a cada 78 anos.
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------
AVISO GERAL
        Na sexta-feira o senhor Prefeito vai fazer 78 anos e liberou geral pra festa às 17 h na Câmara Municipal.
Vão estar lá, pagos pelo manda-chuva, Bill Halley e seus cometas.
        Todo mundo deve estar nu e de capacete, porque a banda é muito louca e o rock vai rolar solto da Câmara até a Prefeitura, mesmo debaixo de chuva.

quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

A sina do Professor




Ao ver tanta notícia sobre política, principalmente notícias polêmicas, aumento de salários, como no caso dos Vereadores de BH que aumentaram os próprios vencimentos em 61%, os deputados federais pleiteando 33% de aumento da verba de Gabinete, a falta de escrúpulos de alguns políticos (caso do vereador de cuecas, queda de ministros por corrupção...) e o descaso com a coisa pública (estradas cheias de buracos, saúde minguando, falta de segurança, de educação...); Tudo isso me faz refletir no papel do professor na sociedade atual, principalmente em Martinho Campos e em Minas Gerais.
Faz-se mister que o professor se assuma enquanto um profissional do humano, social e político, tomando partido e não sendo omisso, neutro, mas sim definindo para si de qual lado está, pois se apoiando nos ideais freireanos, ou se está a favor dos oprimidos ou contra eles. Posicionando-se então o educador não mais neutro, pode ascender à sociedade usando a educação como instrumento de luta, levando a população a uma consciência crítica que supere o senso comum, todavia não o desconsiderando. Esse é o papel do professor, mas como realizá-lo com dignidade?
Veja a  questão dos salários? Um professor do município de Martinho Campos, hoje recebe (para um cargo de P1 – lecionando para as séries iniciais) aproximadamente R$726,00, enquanto um mesmo profissional do Estado de Minas, com o aumento, passará a receber, em 2012, aproximadamente R$1300,00.
Ora, isso é muito menor do que o salário de um deputado,  bem menos que o salário de um vereador  (seja em Martinho Campos ou BH). Todavia para ser um  professor o sujeito tem que ralar banco de faculdade por pelo menos quatro anos, fazer cursos de aperfeiçoamento, reciclagens e estar sempre se atualizando, enquanto que , para ser vereador ou deputado exige-se apenas que o sujeito saiba ler e escrever. Um disparate, uma infâmia e uma injustiça que precisa ser resolvida já ou vamos ficar sem os bons profissionais da educação.


Waldim na escola

Um dia na escola dr. José Gonçalves a professora pede ao seus alunos que façam um rima bem bonita
e pergunta ao primeiro
- Diga Maria qual a sua rima?
- Eu tenho uma coisa que é só minha, o coração da minha maezinha.
- Parabéns Maria muito bonita. Falou a professora
- E você Carlinhos.
- Eu tenho amor como uma flor.
- Muito bonito Carlinhos, disse a professora.
- E você Waldim diga a sua rima.
- Lá vem o Jãozim que não lava o tuim.
- A professora indignada manda ele refazer a frase.
e lhe pergunta novamente depois de alguns minutos.
-Diga Waldim. Pergunta a professora
- lá vem o Jãozim da Grota Funda, tomou banho e não lavou a bunda.

terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Blog 3000


Dos céus de Martinho Campos para o mundo!
O abadiaemfoco superou, nesta semana, a marca de 3000 visualizações. Um sucesso, já que tem apenas dois meses e sete dias no ar. Isso mostra o carinho dos martinhocampenses para com sua cidade, para com seu torrão natal. Mesmo os que aqui não nasceram se admiram com as belezas da Badia. “Eta lugarzinho porreta sô!”
E a cada dia estaremos nos aperfeiçoando para levar até você, caro internauta,  as coisas da “Badia”, sempre com presteza, seriedade e, às vezes, com um toque de humor.
Obrigado e parabéns a todos pelo nosso sucesso. 

Diferenças entre Macho e Fêmea

Nestes últimos dias do ano muitas coisas boas e ruins também aparecem na internet. O abadiaemfoco, após ler várias besteiras, encontrou uma coisa no mínimo curiosa. Achei legal e resolvi transcrever aqui no blog para dividir com vocês. Trata-se da diferença entre homem e mulher. Todos sabemos que as diferenças existem, é óbvio, mas algumas podemos sentir. Então vamos lá:
Apelidos
Se Adriana, Silvana, Débora e Luciana vão almoçar juntas, elas chamarão umas às outras de Dri, Sil, Dé e Lu.
Se Leandro, Carlos, Roberto e João saem juntos, eles afetuosamente se referirão uns aos outros como Gordo, Cabeção, Rato e Negão.

Comendo fora
Quando a conta chega, Paulo, Carlos, Roberto e João jogam na mesa R$ 20,00 cada um, mesmo sendo a conta apenas R$ 32,50. Nenhum deles terá trocado e nenhum vai ao menos admitir que queira troco logo o troco será convertido em saideiras.
Quando as garotas recebem sua conta, aparecem calculadoras de bolso e todas procuram pelas moedinhas exatas dentro da bolsa.

Dinheiro
Um homem pagará R$ 2,00 por um item que vale R$ 1,00, mas que ele precisa.
Uma mulher pagará R$ 1,00 por um item que vale R$ 2,00, mas que ela não precisa.

Banheiros
Um homem tem seis itens em seu banheiro: escova de dente, pente, espuma de barbear, barbeador, sabonete e uma toalha de rosto.
A quantidade média de itens em um banheiro feminino é de 756. E um homem não consegue identificar a maioria deles.

Discussões
Uma mulher tem a última palavra em qualquer discussão.
Por definição, qualquer coisa que um homem disser depois disso, já é o começo de uma outra discussão.

Futuro
Uma mulher se preocupa com o futuro até conseguir um marido.
Um homem nunca se preocupa com o futuro até que consiga uma esposa.

Mudanças
Uma mulher casa-se com um homem esperando que ele mude, mas ele não muda.
Um homem casa-se com uma mulher esperando que ela não mude, mas ela muda.

Dividindo
Uma mulher dividirá seus pensamentos e sentimentos mais profundos com um completo estranho que lhe dê atenção.
Um homem só dividirá seus pensamentos e sentimentos mais profundos quando questionado por um advogado artimanhoso, sob juramento, e mesmo assim, apenas quando isso puder diminuir a sua pena.

Amizade sincera
A mulher encontra com outra na rua: "Nossa, como você ta linda!". Quando viram as costas vem o comentário: "Nossa, como ela engordou!".
Um homem encontra com outro na rua: "Fala seu gordo-careca-bichona!". Quando viram as costas vem o comentário: "Esse cara é gente fina!

segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Enchente do Rio Picão

O Rio Picão nasce nas proximidades do Povoado da Garça, município de Bom Despacho/MG. Percorre um trecho de 82 km, sendo responsável pelo abastecimento hídrico de aproximadamente 200 propriedades rurais desde a sua nascente, até a sua foz no Rio Pará, na nossa querida “Badia”.
Para nós martinhocampenses este rio é muito importante. Já foi inclusive fonte de energia elétrica em tempos idos. Tem como característica principal, a presença de pântanos marginais ao leito principal, ficando este, muitas vezes indefinido na imensidão das áreas de várzea.
Com a chegada das chuvas, agora no verão, o Rio Picão enche e transborda, trazendo fartura de alimentos, seja nas plantações ou até mesmo na infinidade de peixes de seu leito. É dele que a Copasa retira e purifica a água que consumimos no dia a dia aqui na cidade.
A revitalização deste rio se faz necessária haja vista que sua mata ciliar, em muitos trechos, está danificada, além do rio receber grande quantidade de lixo sólido deixado em suas margens e em seu leito.
A água é fonte de vida, por isso devemos zelar pelo nosso meio ambiente.

Mais uma do Waldim (filho do Geriowaldo)

O que está fazendo ajoelhado aí, Waldim?
- Rezando para que o rio Picão passe por Pitangui, mãe.
- Mas por que, filho? 
- Porque foi isso que eu escrevi na prova de geografia.

Desafios da língua

A Língua Portuguesa é um desafio para todos. Muito difícil de se aprender. São tantas regras e tantas exceções que acabamos, uma vez ou outra cometendo gafes terríveis.
Claro que temos que ter um zelo pela língua mãe, mas ter o domínio total é coisa para os escritores e doutores das  Letras. Nós, aqui do interior, temos um jeito todo especial de tratar os semelhantes com sons nem tão cultos assim.
Mas deixa de lenga  lenga! Depois de uma breve análise do nosso cotidiano, eu aprendi! Escrevemos e falamos errado a todo momento e é uma injustiça incriminar alguma pessoa por tal motivo.
“Ahh é… Você não fala errado? Quer uma prova? Então prepare-se, você vai se surpreender!
Este  texto especial, adaptado ao abadiaemfoco e recheado de termos utilizados de maneira errada veio para nos testar e aposto que você já falou ou escreveu pelo menos um deles. Ainda duvida? Vamos lá?
Pois é, você já reparou que sempre procuramos elaborar planos para o futuro (como se fosse possível elaborar planos para o passado), em nosso habitat natural (todos habitats são naturais) onde todos preferem conviver juntos (é possível conviver separado?) preferimos encarar de frente (você conhece alguém que encara de costas? não comente!) e com sorriso nos lábios (já viu um sorriso no umbigo?), mas o processo de busca por emprego é muito cansativo, e as vezes muito injusto, acredito que em todos os países do mundo (e de onde mais podem ser os países?) tudo acontece na mesma maneira, o monopólio exclusivo (ora, se é monopólio, já é total ou exclusivo) existente dentro da empresa nas mãos dos gestores, faz com que os novos empregos criados (alguém consegue criar algo velho?) sejam oferecidos aos familiares e pessoas próximas. Você pode reclamar na Prefeitura Municipal (no Brasil apenas existe prefeitura nos municípios!), aos Generais do Exército (só existe general no exercito), mas nada vai adiantar! O jeito agora é escrever blogs, foi assim que comecei a escrever o abadiaemfoco e quem sabe ficamos ricos e famosos (hahahahahah!!!) Você quer escrever também e não tem nenhuma ideia para começar? Vou te dar uma, faz a sua autobiografia (se é autobiografia, já é sua). Claro que são os pequenos detalhes (Se é detalhe, então já é pequeno) que irão te levar ao topo do mundo!
Agora confessa? Você já falou ou não falou um destes termos de maneira errada?
"Curuis Credo"

domingo, 18 de dezembro de 2011

Farmácia de Minas na "Badia"


Martinho Campos ganhou, nesta sexta-feira 16/12, mais um empreendimento público de ponta. A implantação do Programa Farmácia de Minas, visando melhorar o acesso da população aos medicamentos, por meio de uma boa infraestrutura e qualidade dos serviços de assistência farmacêutica.

O Farmácia de Minas, que é uma iniciativa do Estado, consiste na definição de um modelo de assistência farmacêutica no Sistema Único de Saúde (SUS), onde a farmácia é reconhecida como estabelecimento de saúde e referência de serviços farmacêuticos para a população. Dentro desta perspectiva o Programa é dividido em três componentes: Farmácia de Minas - Medicamentos para Atenção Primária à Saúde, Farmácia de Minas - Medicamentos de Alto Custo e, Farmácia de Minas - Medicamentos Estratégicos.

A inauguração aconteceu debaixo de um mau tempo, porém a presença dos políticos e de vários martinhocampenses foi grande. A farmácia está localizada no espaço onde ficava a antiga Escola Cel. Pedro Lino.

Na Farmácia

o Geriowaldo entrou na farmácia do Elbinho e comprou uma caixa com três camisinhas. Abriu a caixa e jogou duas fora.
Indignado o Elbinho pergunta:
___Geriowaldo,  por que razão, motivo ou circunstância você jogou fora duas camisinhas?
___Estou tentando largar o vício.