abadiaemfoco

sábado, 29 de novembro de 2014

Ainda sobre a final da Copa do Brasil

A felicidade transborda em Minas, nas cores preta e branco. Um título suado, aguerrido, nervoso e fantástico; disputado pelas duas melhores equipes do futebol brasileiro da atualidade. Prevaleceu a hegemonia alvinegra conquistada em campo neste ano. Afinal, foram sete superclássicos com três empates e quatro vitórias do Galo.
O Mineirão foi o palco do tira-teima, nesta final de Copa do Brasil,  e mostrou que Minas Gerais se consolida a cada dia como a capital do futebol brasileiro.
E o que falar do Galo? Tudo! Um time completo, raçudo, bom de bola e com estrela de campeão. Uma dádiva para essa torcida maravilhosa que encanta os quatro cantos do mundo.
Sob a magia do Natal , o Galo Mineiro presenteia seus conterrâneos com mais um título e dá alegria ao esporte mais popular do planeta.

Parabéns guerreiros, parabéns heróis. Ser campeão, qualquer time pode, mas ser campeão com tamanha emoção e autoridade, somente o Galo o é! 


Nos tempos da Facul"/Momento nostalgia

Nos tempos idos, nem tão idos assim, só tínhamos (os pobres) condições de estudar uma faculdade lá em Luz, pagando caro e aventurando-se nas viagens cansativas. Todavia foi uma época de ouro, pois adquirimos conhecimento e, a maioria, ajudou (e ajuda) a construir essa nossa querida Martinho Campos.
Cada viagem a Luz tinha uma história e, numa delas, a marmita da janta, de uma de nossas colegas caiu do bagageiro do ônibus do saudoso Sarandi em cima da cabeça de um outro colega, fazendo aquela lambança de ovo frito, farofa e couve refogada. Resultado: tivemos que parar em Bom Despacho para o nobre colega se lavar e continuarmos viagem. Porém ninguém conseguiu concentrar-se naquele dia, pois ficou um cheiro muito difícil dentro do possante ônibus. Mas tudo isso valeu a pena e hoje podemos contar, sorridentes, essa e outras histórias. E para lembrar, vamos ouvir dois sucessos daquela época.


Agora a nacional (que de nacional só tem o grupo que canta)



sexta-feira, 28 de novembro de 2014

Reflexão da sexta-feira/Eu gosto do impossível....

Eu gosto do impossível, tenho medo do provável, dou risada do ridículo e choro porque tenho vontade, mas nem sempre tenho motivo.
Tenho um sorriso confiante que as vezes não demonstra o tanto de insegurança por trás dele.
Sou inconstante e talvez imprevisível.
Não gosto de rotina. Eu amo de verdade aqueles pra quem eu digo isso, e me irrito de forma inexplicável quando não botam fé nas minhas palavras.
Nem sempre coloco em prática aquilo que eu julgo certo.
São poucas as pessoas pra quem eu me explico...


quinta-feira, 27 de novembro de 2014

Capital do futebol tem dono

O Galo mostrou sua hegemonia no estado e conquistou um importante título, agora em cima do maior rival Cruzeiro. A festa foi imensa e ainda se alastra por todos os rincões de Minas.
Com muita autoridade o Atlético se impôs no Mineirão e deu um show de bola, merecendo inclusive um placar maior do que o de 1x0.
O rival engrandeceu a conquista, pois foi aguerrido e tentou o tempo todo reverter a vantagem alvinegra. Parabéns aos times mineiros pela superioridade no Brasil. Parabéns ao Galo, hoje no topo da lista dos melhores do mundo!

Namoro....

RICO NAMORANDO:
- Oi, amor!
- Oi, vida!
- Vamos sair pra jantar?
- Claro amor. Vai vir me buscar de quê?
- De Land Rover.
- É claro amor.
- Aww... Te amo!
POBRE NAMORANDO:
- E aí, safada!
- Fala, miséria.
- Onde você tá, cabrita?
- Tô tomando sol na laje.
- Bora da uns rolé na quebrada hoje?
- Depende. Vai me buscar de quê?
- A pé né, ainda não aprendi a voar.

quarta-feira, 26 de novembro de 2014

Concurso área educação (Estado)

Oportunidade para professores e demais profissionais da área de educação. Editais para concurso na SEE MG foram publicados nesta semana e oferecem vagas para diversas regiões do estado, inclusive Martinho Campos. Vejam a notícia extraída do site da Educação.
Mais um serviço de divulgação do abadiaemfoco:



"Foram publicados, nesta terça-feira (25/11), no Diário Oficial dos Poderes do Estado, extratos de quatro editais de concurso para preenchimento de vagas para as carreiras da Secretaria de Estado de Educação (SEE). São mais de 17 mil oportunidades para os interessados em ingressarem no serviço público mineiro. Os editais completos podem ser conferidos na página do Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC), responsável pela realização dos concursos públicos, da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag) e da Secretaria de Estado de Educação.

De acordo com os editais, os concursos públicos de provas e títulos para provimento de cargos da carreira da educação compreendem oportunidades para diferentes atuações. Para o cargo de Professor de Educação Básica, com atuação nos Conservatórios Estaduais de Música de Minas Gerais, as oportunidades são, por exemplo, para Regência/Música, Artes Plásticas, Instrumento/Guitarra, entre outros, conforme prevê oedital Seplag/SEE 02/2014.

O edital Seplag/SEE 05/2014 traz oportunidades para preenchimento de vagas para atuação em escolas especiais e Atendimento Educacional Especializado em escolas regulares. Os cargos, neste caso, para os quais os interessados podem concorrer são os das carreiras de Especialista em Educação Básica (Orientação Educacional), Especialista em Educação Básica (Supervisão Pedagógica), Professor de Educação Básica com atuação nos anos iniciais do Ensino Fundamental, Professor de Educação Básica para atuação em conteúdos específicos dos anos finais do Ensino Fundamental e Ensino Médio, Professor de Educação Básica Intérprete de Libras e para atuação nas salas de recurso.

Já as informações sobre as vagas do concurso para os cargos, na educação básica, de Assistente Técnico de Educação Básica (auxiliar de secretaria); Especialista em Educação Básica (supervisão pedagógica), Especialista em Educação Básica (orientação educacional), Professor de Educação Básica com atuação nos anos iniciais do Ensino Fundamental e Professor de Educação Básica para atuação em conteúdos específicos dos anos finais do Ensino Fundamental e Ensino Médio podem ser conferidas no edital Seplag/SEE 04/2014. Este edital destina-se a preencher vagas em municípios onde não tem candidato aprovado em concurso público anterior (edital 01/2011).

Para o cargo de Professor de Educação Básica - Ensino Religioso, o edital Seplag/SEE 03/2014 prevê 1.648 oportunidades.

A remuneração para os cargos de Assistente Técnico de Educação Básica (ATB) é de R$1.005,46 para a carga horária semanal de 30 horas. Para os cargos de Especialista em Educação Básica (EEB) é de R$1.455,30, com carga horária semanal de 24 horas. Para os cargos de Professor de Educação Básica (PEB) a remuneração inicial será de R$1.455,30 para uma jornada de 24 horas semanais.

As inscrições podem ser feitas a partir do dia 10 de dezembro e vão até o dia 11/01/2015, pelo site do IBFC. O valor de inscrição será de R$30,00 para a vaga de Assistente Técnico de Educação Básica, R$40,00 para Professor de Educação Básica e R$45,00 para Especialista em Educação Básica.

Os textos de cada um dos editais e demais informações encontram-se disponíveis nos sites www.ibfc.org.brwww.planejamento.mg.gov.br e www.educacao.mg.gov.br."

terça-feira, 25 de novembro de 2014

Melhorando a "Badia"

Mais uma etapa do asfaltamento das ruas da cidade de Martinho Campos está em andamento. Agora é a vez do bairro Lagoa dos Buritis ser privilegiado, principalmente nos arredores do açude municipal conforme flagrado pelas câmeras do abadiaemfoco.
Martinho Campos cada dia melhora no quesito asfalto. Quase toda a sede já tem traços de obras viárias o que desenvolve e muito o município.
Que sejam feitas, se for possível, em toda a cidade obras como essa. Destarte o povo se alegra e agradece.



Salmo 114/Refletindo

Quando Israel saiu do Egito, e a casa de Jacó de um povo de língua estranha,
Judá foi seu santuário, e Israel seu domínio.
O mar viu isto, e fugiu; o Jordão voltou para trás.
Os montes saltaram como carneiros, e os outeiros como cordeiros.
Que tiveste tu, ó mar, que fugiste, e tu, ó Jordão, que voltaste para trás?
Montes, que saltastes como carneiros, e outeiros, como cordeiros?
Treme, terra, na presença do Senhor, na presença do Deus de Jacó.
O qual converteu o rochedo em lago de águas, e o seixo em fonte de água.


segunda-feira, 24 de novembro de 2014

Tá virando novela essa questão da segurança na "Badia"

Não se sabe o motivo, mas hoje , no site da assembleia tava esse texto:

"Audiência pública em Martinho Campos é cancelada

Reunião, que seria nesta quinta-feira (27), trataria do aumento de criminalidade e do efetivo policial local.


Foi cancelada a audiência pública que a Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) realizaria em Martinho Campos (Centro-Oeste de Minas) nesta quinta-feira (27/11/14), às 10 horas, na Câmara Municipal. Atendendendo a requerimento do deputado Sargento Rodrigues (PDT), vice-presidente da comissão, a reunião trataria do aumento da criminalidade e a falta de efetivo e de infraestrutura de trabalho para a Polícia Militar.
Com pouco mais de 12 mil habitantes, Martinho Campos tem registrado uma onda de crimes cada vez mais violentos, como assaltos e homicídios, sobretudo relacionados ao tráfico de drogas. Segundo o deputado Sargento Rodrigues, para fazer frente a esse problema, a cidade conta com um efetivo das polícias Civil e Militar relativamente pequeno."

Vai entender né? Aqui acontecem coisas muito sinistras.....

sábado, 22 de novembro de 2014

Confirmadíssima a audiência pública

(Texto extraído do Jornal "O Minas Gerais" (IOFM) do dia 22 de novembro de 2014

CRIMINALIDADE - Na quinta-
-feira, às 10 horas, na Câmara
Municipal de Martinho Campos
(Rua Pitangui, 36, Centro), região
Centro-Oeste do Estado, a Comissão
de Segurança Pública debaterá
o aumento da criminalidade e a
falta de efetivo e de infraestrutura
de trabalho para a Polícia Militar
na cidade. O município tem pouco
mais de 12 mil habitantes e tem
registrado uma onda de crimes
cada vez mais violentos, sobretudo
relacionados ao tráfico de drogas,
o que vem inquietando a
população, conforme ressalta o
autor do requerimento, deputado
Sargento Rodrigues (PDT).
“Para fazer frente a esse problema,
a cidade conta com um
efetivo das polícias Civil e Militar
relativamente pequeno. Apesar
das dificuldades, é preciso promover
uma rearticulação desse efetivo
no Estado. E o momento da
reunião é oportuno pois acabam
de se formar dois mil novos policiais
militares, que ainda vão ser
designados para atuar em municípios
do interior. A reunião servirá
também para que possamos ouvir
a população, suas lideranças, e
tentar unir esforços para encontrar
novas soluções para o problema”,
afirma o parlamentar.

Brincando de índio/Momento Nostalgia

Nos anos idos, aqui na bela e pacata "Badia", costumávamos brincar de índios (ainda não "existiam" os Caxixós) nas matas que circundam nossa cidade. Acordávamos cedo e íamos fazer os arcos e flechas, todos de bambu com barbante. Era um trabalho de primeira e com isso o dia passava...
A proeza maior com as flechas era atirar com uma bombinha "garrafa" amarrada na ponta....Era uma coisa de louco. Primeiro comprávamos as bombinhas na extinta loja "Magazine" do Luiz Pituca; depois amarrávamos as bombas nas pontas das flechas. Esticávamos o arco e um amigo acendia o explosivo e aí atirávamos...a flecha subia e lá em cima explodia...coisa de criança travessa...
E, lembrando das caçadas na Badia, vamos ouvir dois sucessos inesquecíveis:


Agora a nacional



sexta-feira, 21 de novembro de 2014

Reflexão da sexta-feira/Otimismo sempre

O pensamento tem poder infinito.
Ele mexe com o destino, acompanha a sua vontade.
Ao esperar o melhor, você cria uma expectativa positiva que detona o processo de vitória.
Ser otimista é ser perseverante, é ter uma fé inabalável e uma certeza sem limites de que tudo vai dar certo.
Ao nascer o sentimento de entusiasmo, o universo aplaude tal iniciativa e conspira a seu favor, colocando-o a serviço da humanidade.
Você é quem escreve a história de sua vida - ao optar pelas atitudes construtivas - você cresce como ser humano e filho dileto de DEUS.
Positivo atrai positivo.
Alegria chama alegria.
Ao exalar esse estado otimista, nossa consciência desperta energias vitais que vão trbalhar na direção de suas metas. 
Seja incansavelmente otimista. Faz bem para o corpo, para a mente e para a alma.
É humano e natural viver aflições, só não é inteligente conviver com elas por muito tempo.
Seja mais paciente consigo mesmo, saiba entender suas limitações.
Sem esforço não existe vitória.
Ao escolher com sabedoria viver sua vida com otimismo, seu coração sorri, seus olhos brilham e a humanidade agradece por você existir.


quinta-feira, 20 de novembro de 2014

Funcionalismo estadual/Notícias sobre o 13º

O governo de Minas informou nesta quarta-feira a data para o pagamento do 13° terceiro salário. Segundo a administração estadual, os servidores receberão o valor, em parcela única, no dia 20 de dezembro. A data ocorre no último estipulado pela legislação para o pagamento do benefício. 

Quanto ao reajuste dos rendimentos dos funcionários públicos estaduais, tramita na Assembleia Legislativa de Minas Gerais projeto, de autoria do governador Alberto Pinto Coelho (PP), que eleva em 4,6% os valores de todas as categorias.
 


A proposta chegou a ser aprovada hoje na Comissão de Constituição e Justiça da assembleia. Mas a tramitação foi suspensa por 24 horas na Comissão de Administração Pública, após pedido de vista do deputado Rogério(PT). A matéria e outras propostas têm sido motivo de queda de braço entre deputados da base e da oposição na Casa.


Galo bate em urubu...

O Galo Mineiro sufocou o Flamengo no Independência e goleou o rival, por 4x2, ficando assim entre os primeiros colocados do campeonato brasileiro.
Foi um jogo eletrizante e mostrou que, no Horto, quem manda é o Galo. O maior mandante do futebol mundial.
O time alvinegro vem rendendo à mídia nacional e internacional diversos elogios e se enquadrando como uma equipe de raça e determinação, buscando resultados, às vezes adversos, e jogando um futebol encantador, mesmo quando está desfalcado.
O pensamento agora é na próxima partida contra o Inter, lá em Porto Alegre. Provavelmente com o time alternativo comandado por Dodô.
Tudo isso sem tirar o foco da grande decisão do dia 26 contra o rival Cruzeiro, no Gigante da Pampulha, compromisso e objetivo primordiais do Galo esse ano.
Pra cima deles Galo, bica bicudo!

quarta-feira, 19 de novembro de 2014

Música triste x pessoa feliz?

KONICA MINOLTA DIGITAL CAMERA
Pode apostar nessas Adele da vida. Músicas tristes deixam você mais feliz do que as canções animadas e para cima.
A descoberta vem lá da Alemanha. As pesquisadoras Liila Taruffi e Stefan Koelsch entrevistaram772 pessoas do mundo todo para saber com que frequência e em quais situações costumam ouvirmúsicas tristes e como se sentem. Eles relataram sentir uma série de emoções complexas e positivas: paz de espíritoternuradocilidadenostalgiatranscendência e encantamento. E quase sempre recorrem a elas quando se sentem solitários ou com algum problema emocional.
“Os ouvintes frequentemente escutam essas músicas quando experimentam estresse emocional para facilitar e espantar as emoções negativas”, diz o estudo. É que a ideia de ver a infelicidade expressada (e até transcendida) em músicas parece aliviar a dor deles.  Como se, enfim, alguém pudesse entender e compactuar com a tristeza deles.
Você concorda? Ou música triste te deixa numa bad maior ainda?
(Da revista superinteressante)

Enquanto isso, numa escola da "Badia"


O Waldim (filho do Geriowaldo) pergunta para a professora:
- Professora, como se faz pra colocar um elefante na geladeira?
E a professora:
- Não sei... Como é?
- Abre a porta da geladeira e coloca ele lá. E como se faz pra colocar uma girafa dentro da geladeira?
A professora se achando esperta responde:
- Abre a porta e coloca ela lá...
- Não professora, primeiro tem que tirar o elefante que está lá e depois colocar a girafa.
A professora faz uma careta.
- Professora! - diz Waldim. - O leão, rei da floresta, fez uma festa, e todos os animais foram, menos um. Qual era?
- Não sei, Waldim...
- A girafa. A coitada ainda estava na geladeira!
A professora dá uma risadinha.
- Professora!
- O QUE É, GERIOWALDO JÚNIOR?
- Como se faz pra atravessar um rio cheio de jacarés?
- Pega um barco e atravessa, Waldim.
- Não, atravessa nadando.
- Mas e os jacarés, Waldim?
- Estão na festa do leão!

Futebol da seleção que tomou de 7

O jogo da seleção brasileira tava parecendo um jogo de genros x sogros.....uma babaquice só. Digo isso, com muita disposição, pois depois do vexame para a Alemanha na Copa, dentre de casa, agora me vem a mídia "comprada" do Brasil falar que o Dunga e a seleção fecham o ano de 2014 com 100% de aproveitamento?! Ah! Vai chupar prego como dizem os "muleques". A seleção está em formação e esses resultados em amistosos não servem pra nada, pra nada mesmo. E ainda, no destaque do noticiário me empurram goela abaixo essa pérola: " Foi bonito, depois de polêmica Neymar passa a braçadeira de capitão para Tiago Silva". Isso tá parecendo história da carochinha. Dois "adolescentes" ganhando milhões pra jogar representando o Brasil e fazem birrinha....Deveriam é estarem envergonhados pelo fracasso na Copa. 
O caminho para o Brasil voltar a ser respeitado no futebol é ter humildade e começar a jogar bola de verdade e não venderem "camisas" como sempre ocorre.

terça-feira, 18 de novembro de 2014

Segurança Pública é tema em Martinho Campos

Em conversa com o amigo David Augusto Nascente sobre Segurança em nossa comunidade fui informado que já esta agendada a Audiência Pública para o dia 27 de novembro do corrente ano (quinta-feira próxima) com o intuito de aumentar a segurança em nosso município.
A reunião tem por finalidade debater o aumento da criminalidade local e a falta de efetivo e de estrutura de trabalho para a polícia militar , onde será discutido a implantação de um sub-destacamento em Ibitira e Albert Isaacson.
Nesta reunião estarão presentes o Deputado "Sargento Rodrigues" e representantes da assembleia, além de autoridades civis e militares




É salutar que a questão da segurança pública passou a ser considerada problema fundamental e principal desafio ao estado de direito no Brasil. A segurança ganhou enorme visibilidade pública e jamais, em nossa história recente, esteve tão presente nos debates tanto de especialistas como do público em geral.

Os problemas relacionados com o aumento das taxas de criminalidade, o aumento da sensação de insegurança, agora também no "interiorzão", as dificuldades encontradas pelas administrações diretas, a degradação dos espaços públicos, aumento dos custos operacionais etc...tudo isso demanda de uma atuação positiva e ideias inovadoras, além de operacionalizar o sistema, para que o cidadão de bem possa viver e trabalhar dentro da normalidade.

Assim se dá a importância desse encontro no dia 27, na Câmara Municipal, principalmente no que tange em real controle sobre as políticas de segurança pública e, mais ainda, estimule a parceria entre órgãos do poder público e sociedade civil na luta por segurança e qualidade de vida dos cidadãos martinho-campenses.
Trata-se na verdade de ampliar a sensibilidade de todo o complexo sistema da segurança aos influxos de novas ideias e energias provenientes da sociedade e de criar um novo referencial que veja na segurança espaço importante para a consolidação democrática e para o exercício de um controle social da segurança.
O blog abadiaemfoco parabeniza o cidadão David Nascente pela iniciativa tomada e pela concretização desse evento, que certamente trará mais segurança pública para nossa cidade.

Salmo 113/Reflexão


Louvai ao SENHOR. Louvai, servos do SENHOR, louvai o nome do SENHOR.
Seja bendito o nome do Senhor, desde agora para sempre.
Desde o nascimento do sol até ao ocaso, seja louvado o nome do Senhor.
Exaltado está o Senhor acima de todas as nações, e a sua glória sobre os céus.
Quem é como o Senhor nosso Deus, que habita nas alturas?
O qual se inclina, para ver o que está nos céus e na terra!
Levanta o pobre do pó e do monturo levanta o necessitado,
Para o fazer assentar com os príncipes, mesmo com os príncipes do seu povo.
Faz com que a mulher estéril habite em casa, e seja alegre mãe de filhos. Louvai ao Senhor.


domingo, 16 de novembro de 2014

Dia da criatividade

Nesta segunda-feira comemoramos o dia da criatividade
Para Raul Seixas, a criatividade não combina com obediência, da mesma maneira que, para Pablo Picasso ela é inimiga do bom senso. Criatividade é inventar, experimentar, correr riscos, quebrar regras, cometer erros ou simplesmente, como diz Albert Einstein, é a inteligência se divertindo. O dia 17 de novembro é marcado no Brasil como o Dia da Criatividade, não há um motivo especial para a data, já que todo o dia é dia para sermos criativos.
O potencial criativo das pessoas começa a ser desenvolvido ainda na infância, e com o tempo ele acompanha este desenvolvimento e aprimora-se. Pode-se dizer que o pensar e o agir criativamente já fazem parte do nosso dia-a-dia, pois cada vez mais são exigidas soluções para problemas, que sem a criatividade não seriam possíveis. Sair do senso comum, ser ousado, não se limitar a um único conhecimento, sempre querer ir além são algumas das características que motivaram a criação de muitos inventos que deram um rumo a humanidade. Sem criatividade, Santos Dumont não poderia ser considerado o “pai da aviação” e sem a ideia de Steve Jobs – usar uma tela multitouch para interagir com um computador de uma maneira em que ele pode digitar diretamente no display – o Iphone poderia nem ter sido inventado.
Como a criatividade move o mundo, a equipe Nexjor foi conversar com alguns profissionais, de diversas áreas, para saber qual é a importância deste pensamento criativo no dia-a-dia da profissão.

O batizado do Tijão

Era o ano de 1944, acredito eu, e o Tio João nasceu. Naquele tempo, tempo de guerra mundial, havia muita confusão no mundo e o Brasil contava com seus pracinhas lá na Itália combatendo os países do Eixo. O país seguia seu caminho, rumo à liderança política e econômica da América do Sul e nossa querida Martinho Campos continuava bela, simples, pacata e feliz.
Tio João era um menino garboso , cheio de vida e muito alegre (até hoje). Parecia um boneco de pelúcia.
Naquele tempo era comum os pais não registrarem logo a criança, ficando pra depois e, quando acontecia, a criança já era bem grandinha, segundo contam os mais antigos. E foi assim com Tio João.
Mas o mais importante seria o batizado do Tijão. Era uma manhã de domingo, muito bonito, com sol escaldante e muitas pessoas na então Igreja do Rosário que ficava onde hoje está o Terminal Rodoviário de Martinho Campos.
Padre Marciano preparava a pia batismal e o povo ia se afunilando naquela Igreja no intuito de presenciar os batizados. Quando foi a vez do Tio João, o padre jogou a água nele e ele chorou que nem gente grande, aliás, que nem gente pequena! E chorava..... Foi a única criança que  chorou mais de cinco minutos naquele dia de batizados.
E o mais interessante foi que o tempo mudou e no resto do dia choveu de encher o Rio Picão.
Assim foi o batizado de Tijão.



Galo forte

Ainda sob o forte impacto da repercussão mundial do evento futebolístico sediado em Minas, vivemos o  desfecho do clássico neste momento como o resultado de uma campanha emaranhada na mística e na raça do povo alvinegro. A vitória sobre o maior rival  consolida o Galo Mineiro como um dos melhores times do Brasil e, quiçá, do mundo. Tamanha sua dedicação e técnica nestes primeiros noventa minutos da decisão da competição nacional, reflexo de um trabalho estruturado, desde a diretoria até o  último jogador do elenco.
Minas Gerais parou nesta última quarta para vivenciar seu maior duelo em campo “de bola”, sendo que neste caso, apesar da vitória atleticana, quem ganhou foi o esporte mineiro. Hoje, sem dúvida, o melhor futebol do país do “Penta”.
A torcida preta e branca deu um show à parte, como é de praxe, e não parou um minuto sequer (cantando o hino, gritos de incentivo, “zoação” com o rival...etc) nas arquibancadas do Independência. Estava bonito de se ver: lágrimas e sorrisos se mesclando num afã de alegria, emoção e carisma; contagiando os milhões de torcedores que assistiam ao jogo pela TV.

A primeira parte do filme já valeu o ingresso e a fama adquiridos pelo belíssimo trabalho de ambas as equipes. Agora é retomar o fôlego e aguardar o desfecho final, torcendo para que o “happy end” seja favorável ao inexorável Clube Atlético Mineiro.

terça-feira, 11 de novembro de 2014

Salmo 112/Reflexão


Louvai ao SENHOR. Bem-aventurado o homem que teme ao SENHOR, que em seus mandamentos tem grande prazer.
A sua semente será poderosa na terra; a geração dos retos será abençoada.
Prosperidade e riquezas haverá na sua casa, e a sua justiça permanece para sempre.
Aos justos nasce luz nas trevas; ele é piedoso, misericordioso e justo.
O homem bom se compadece, e empresta; disporá as suas coisas com juízo;
Porque nunca será abalado; o justo estará em memória eterna.
Não temerá maus rumores; o seu coração está firme, confiando no Senhor.
O seu coração está bem confirmado, ele não temerá, até que veja o seu desejo sobre os seus inimigos.
Ele espalhou, deu aos necessitados; a sua justiça permanece para sempre, e a sua força se exaltará em glória.
O ímpio o verá, e se entristecerá; rangerá os dentes, e se consumirá; o desejo dos ímpios perecerá.




segunda-feira, 10 de novembro de 2014

Estágio numa escola da "Badia"

Um dia uma universitária da "Badia" resolveu fazer uma pesquisa com as crianças das escolas de 1ª a 4ª série dos povoados. Chegando numa sala de 4° série de uma escola pública , ela explicou o que estava a fazer lá e começou:
Mariazinha, por favor me fale um adjetivo, e ela respondeu:
— Biscreta.
A universitária disse:
Não é biscreta é bicicleta. Além do mais, não é um adjetivo é um substantivo. Depois ela perguntou para o Pedrinho:
— Pedrinho, pode me falar um substantivo?
— Sim, fessora, azurrr.
A universitária:
— Não é azurrr é azul. Além do mais não é substantivo é adjetivo.
Então, a universitária, já impaciente, vira para joãozinho e pergunta:
— Joãozinho, pode me dizer um verbo?
Joãozinho responde:
— Hospedar.
A universitária:
— Muito bem, você acertou.
E então a universitária, entusiasmada completa:
— Joãozinho, já que foi o único que acertou, diga para a turma uma frase com o verbo hospedar.
Joãozinho:
— Ta bem, fessora: Ospedar da biscreta é azurrr.

Surpresa ou confirmação? Eis a questão!


Duas semanas após Dilma Roussef ser reeleita, o governo acumula medidas contraditórias e libera a divulgação de números desfavoráveis. Um dia depois que o governo atual ganhou mais quatro anos na condução do Brasil foi anunciada o aumento da dívida pública federal. Mais dois dias e foi a vez de o Banco Central elevar a taxa básica de juros. E mais um dia foi o suficiente para o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) disponibilizar em seu banco de dados o aumento do número de miseráveis no país. E a isso seguiram os anúncios do aumento do desmatamento, dos cortes nas contas públicas e da elevação no preço dos combustíveis.

A dívida pública federal cresceu 0,65% em setembro em relação a agosto e fechou o mês em R$ 2,183 trilhões, segundo informou o Tesouro Nacional em 27 de outubro. A soma das dívidas contraídas pelo Tesouro para financiar déficits no orçamento não deixa dúvidas: as despesas estão maiores que as receitas. É o quinto mês consecutivo que o governo central (Tesouro Nacional, Previdência Social e Banco Central) registra déficit primário. O valor, de  R$ 20,4 bilhões, representa o pior resultado mensal da série histórica iniciada em 1997. E significa que o governo não conseguiu poupar nenhum centavo para o pagamento de juros da dívida pública. 


Segundo informações do governo, o aumento da dívida pública está relacionado à apropriação de juros da dívida interna e também à alta do dólar no período. Em setembro, a moeda norte-americana avançou mais de 9%, o maior crescimento mensal desde setembro de 2011. E por falar em juros, eles foram a principal surpresa após a reeleição. Após passar a campanha sugerindo que um possível governo tucano seria garantia de alta de juros, foi o atual governo federal que aumentou a taxa Selic em 0,25%. Desde abril o Banco Central segurava a taxa básica de juros em 11%, mas em 29 de outubro o índice, que serve de referência para a formação de todas as outras taxas de juros aplicadas no país, foi a 11,25% ao ano.

A decisão pegou investidores de surpresa. No mercado, a aposta era de manutenção da taxa, inclusive pela forma como a presidente defendeu que o aumento de juros impactava principalmente os mais pobres. Agora, a expectativa é de um novo aumento até o final do ano. Uma das maiores críticas a Dilma tem sido a economia, incluindo a inflação em alta: os juros são usados, entre outras coisas, para tentar controlar a inflação. 

Já a liberação dos dados do Ipea sobre a pobreza causaram polêmica com a sugestão de que já eram conhecidos antes do pleito e teriam sido “segurados”, já que o combate à miséria é a principal bandeira do governo Dilma. O relatório mostra que, pela primeira vez em 10 anos, o número de miseráveis parou de cair no país. Em 2012, o Brasil tinha 10,08 milhões de pessoas em situação de extrema pobreza, número que oscilou para 10,45 milhões em 2013. Foram pouco mais de 371 mil brasileiros incluídos nessas condições, aumento de 3,68% de um ano para o outro. A atualização dos dados quatro dias após as eleições ocorreu depois de um diretor do Ipea ter pedido demissão porque o instituto resolveu adiar a publicação de algumas pesquisas por causa das eleições. 

Desmatamento Outra informação nada otimista é que o desmatamento na Amazônia disparou em agosto e setembro: crescimento de 122% sobre o mesmo período no ano anterior. Segundo reportagem da Folha de S.Paulo, o governo federal já conhecia os dados antes do segundo turno da eleição presidencial e teria adiado também essa divulgação para não prejudicar a votação da presidente Dilma. O ainda atual ministro da Fazenda, Guido Mantega, também foi encarregado de dar más notícias na área social. A lista de cortes nas despesas para o ano que vem inclui o seguro-desemprego, o abono salarial e o auxílio-doença, uma confirmação de que as contas públicas não andam nada bem.

Por fim, a notícia que mexe diretamente no bolso do brasileiro. A Petrobras anunciou, na quinta-feira, aumento do preço de venda nas refinarias de 3% para a gasolina e de 5% para o diesel. Alguns economistas defendem que a alta, que terá impacto na inflação, demorou a ocorrer, deixando o custo interno do combustível defasado. Sugerem que havia um desalinhamento dos preços em relação ao mercado internacional perdurando ao longo do ano, já que o correto é o preço interno refletir o preço internacional, o quanto custa para o país importar a gasolina. (Com agências) - Jornal Estado de Minas Digital