abadiaemfoco

domingo, 30 de setembro de 2012

Piada de Domingo véspera de eleição

Um senador está andando tranqüilamente quando é atropelado por um caminhão e morre. A alma dele chega ao Paraíso e dá de cara com São Pedro na entrada. - Bem-vindo ao Paraíso! - diz São Pedro - Antes que você entre, há um probleminha. Raramente vemos parlamentares por aqui, sabe, então não sabemos bem o que fazer com você. - Não vejo problema, é só me deixar entrar - diz o antigo senador. - Eu bem que gostaria, mas tenho ordens superiores. Vamos fazer o seguinte: você passa um dia no Inferno e um dia no Paraíso. Aí, pode escolher onde quer passar a eternidade. - Não precisa, já resolvi. Quero ficar no Paraíso - diz o senador. - Desculpe, mas temos as nossas regras. Assim, São Pedro o acompanha até o elevador e ele desce, desce, desce até o Inferno. A porta se abre e ele se vê no meio de u m lindo campo de golfe. No fundo ele vê o clube na frente do qual estão todos os amigos dele e outros políticos que haviam trabalhado com ele. Todos muito felizes em traje social. Ele é cumprimentado, abraçado e eles começam a falar sobre os bons tempos em ficaram ricos às custas do povo. Jogam uma partida descontraída depois comem lagosta e caviar. Quem também está presente é o Diabo, um cara muito amigável que passa o tempo todo dançando e contando piadas. Eles se divertem tanto que, antes que ele perceba, já é hora de ir embora. Todos se despedem dele com abraços e acenam enquanto o elevador sobe. Ele sobe,sobe, sobe e porta abre outra vez. São Pedro está esperando por ele. - Agora é a vez de visitar o Paraíso. Ele passa 24 horas junto a um grupo de almas contentes que andam de nuvem em nuvem, tocando harpas e cantando. Tudo vai muito bem e, antes que ele perceba, o dia se acaba e São Pedro retorna. - E aí? Você passou um dia no Inferno e um dia no Paraíso. Agora escolha a sua casa eterna. Ele pensa um minuto e responde: - Olha, eu nunca pensei, mas... O Paraíso é muito bom, mas eu acho que vou ficar melhor no Inferno. Então São Pedro o leva de volta ao elevador e ele desce, desce, desce até o Inferno. A porta abre e ele se vê no meio de um enorme terreno baldio cheio de lixo. Ele vê todos os amigos com as roupas rasgadas e sujas catando o entulho e colocando em sacos pretos. O Diabo vai até ele e passa o braço pelo ombro do senador. - Não estou entendo - gagueja o senador - ontem mesmo eu estive aqui e havia um campo de golfe, um clube, lagosta, caviar, e nós dançamos e nos divertimos o tempo todo. Agora só vejo esse fim de mundo cheio de lixo e meus amigos arrasados. O Diabo olha pra ele, sorri e diz: - Ontem estávamos em campanha. Agora já conseguimos seu voto!'

Abadia se prepare...

88 querem uma vaga na Câmara, vote certo, Martinho Campos agradece!

sábado, 29 de setembro de 2012

Sabadão Nostalgia


Após a morte de Robin Gibb, do Bee Gees, o grupo começou a desmanchar, infelizmente para todos os fãs que sempre acompanharam os sucessos desta Banda. 
Gibb entrou para o Hall da Fama de compositores em 1994 e a banda passou a incluir o Hall da Fama do Rock três anos mais tarde.
A formação do Bee Gees, fundado na Ilha de Man (Reino Unido), continha ainda o irmão mais velho, Barry. A banda foi uma das mais famosas dos anos 70 e 80, com mais de 200 milhões de discos vendidos e temas tão conhecidos como 'How Deep is your Love' ou 'Stayin' Alive'.
Neste sábado "nostalgia" o abadiaemfoco traz para todos vocês internautas que gostam de boa música esta canção que embalou muitos de nós e ainda continua embalando muitos jovens por esse mundão afora.

Abadia celeiro de artistas/Renata Santos

Martinho Campos ontem foi estampada  na telinha da Globo. Não, não é nenhum problema, nenhuma mazela, mas sim a aparição de uma de nossas Divas , Renata Santos, na novela das Sete "Cheias de Charme". Com sua beleza natural, filha da Badia brilha na tv, radiante e loira. Apesar de ser uma figuração o fato mobilizou grande parte dos martinho-campenses que acompanharam de perto o momento em que nossa jovem e agora atriz apareceu na telinha junto ao personagem "Conrado" (Jonatas Faro).
Renata Santos é filha do Antônio de Pádua, carinhosamente conhecido como Boi do Chico Branco. 
Mais uma vez Martinho Campos nos revela que é um grande celeiro de artistas. Parabéns à Renata, à família e todos os abadienses que gostam deste pedaço de chão. Hoje tem a repetição do último capítulo, vá lá e dê uma olhada.

sexta-feira, 28 de setembro de 2012

Delegado que atuou em Martinho Campos apresenta suspeitos de crime


O Delegado Rodrigo Noronha, que já atuou em nossa Badia, está fazendo um bom trabalho também em Nova Serrana. Veja a reportagem (cedida pelo blog do Experidião) abaixo.

Dois suspeitos de trocar tiros e ferir um sargento da Polícia Militar (PM) foram apresentados, nesta quinta-feira (27), em Nova Serrana, no Centro-Oeste, pela Polícia Civil. Além deles, outros dois suspeitos de assaltar uma drogaria na cidade também foram apresentados.
Delegado Polícia Civil Nova Serrana (Foto: Cléber Corrêa)
Os dois suspeitos, um de 24 anos e outro de 33 anos, são de Belo Horizonte. O sargento tinha acabado de sair de uma agência bancária quando foi confundido com outro homem, que teria ido ao banco sacar R$ 5 mil. O policial estava armado e depois de reagir foi atingido por um disparo. Ele também atirou nos Segundo o delegado da Polícia Civil de Nova Serrana, Rodrigo Noronha, o segundo suspeito foi identificado após investigação. "Inicialmente havia apenas um suspeito este que havia sido baleado e dado entrada no hospital. As investigações continuaram e foi identificado o segundo suspeito. O comparsa dele que no dia não só auxiliava na prática do crime, mas também auxiliou na fuga. Eles aguardam presos o julgamento", concluiu o delegado.

Os outros dois suspeitos foram detidos pelo envolvimento no assalto a uma drogaria. O circuito interno de câmeras do local registrou quando os dois jovens, de 18 anos, realizaram o assalto. Segundo a Polícia Civil, um deles é de Brasília e o outro de Divinópolis, no Centro-Oeste do estado. "Eles quando menores tiveram vários registros por tráfico, porte ilegal de arma de fogo e homicídio, inclusive homicídio qualificado, onde após executarem um outro menor também colocaram fogo no corpo", concluiu.

Para distrair na eleição

Eleição não é brincadeira, porém algumas cenas são imperdíveis. Veja o vídeo abaixo e classifique o seu candidato. Temos muitos assim pelo Brasil afora.



Reflexão da Sexta-Feira/Eu aprendi...


Eu aprendi...
...que ignorar os fatos não os altera; 

Eu aprendi...
...que quando você planeja se nivelar com alguém, apenas esta permitindo que essa pessoa continue a magoar você; 

Eu aprendi...
...que o AMOR, e não o TEMPO, é que cura todas as feridas; 

Eu aprendi...
...que ninguém é perfeito até que você se apaixone por essa pessoa;

Eu aprendi...
...que a vida é dura, mas eu sou mais ainda; 

Eu aprendi...
...que as oportunidades nunca são perdidas; alguém vai aproveitar as que você perdeu. 

Eu aprendi...
...que quando o ancoradouro se torna amargo a felicidade vai aportar em outro lugar; 

Eu aprendi...
...que não posso escolher como me sinto, mas posso escolher o que fazer a respeito; 

Eu aprendi...
...que todos querem viver no topo da montanha, mas toda felicidade e crescimento ocorre quando você esta escalando-a; 

Eu aprendi...
...que quanto menos tempo tenho, mais coisas consigo fazer

Willian Shakespeare

quinta-feira, 27 de setembro de 2012

Todo candidato garante que é capaz de criar o reino de Deus na Terra


O abadiaemfoco, tendo em vista as próximas eleições, vem mais uma vez falar sobre política. Agora refletindo sobre o texto (de João Paulo) abaixo, onde teremos uma noção real da política em sua natureza existencial. Um belo texto, não deixem de ler pois é muito elucidativo.


Utopia e roupa branca

"O momento não podia ser melhor: os políticos estão em baixa e as eleições estão chegando. A contradição é excelente, porque mostra que as pessoas são menos importantes que a ideia de democracia. Os candidatos já estão em campanha e, como sempre, pensam que o público é apenas um consumidor: vendem-se, como um produto qualquer, sabão em barra, por exemplo.

E por falar em sabão, você sabe de onde vem a palavra candidato? Vem do latim e quer dizer manto branco, toga branca ou algo semelhante. O que se esperava, quando a democracia vivia seus primeiros momentos, é que os candidatos fossem limpos como suas vestes. Hoje, pelo visto, nem o sabão da propaganda dá conta de limpar a barra.

Mas eleição é assunto que merece cuidado e atenção. Não apenas pelo fato de implicar na escolha dos dirigentes públicos. O que está em jogo é um modelo de mundo. Para avaliar quem merece voto, existem muitos métodos, desde os ideológicos – se os candidatos são conservadores ou progressistas, de direita ou de esquerda, populares ou aristocráticos – até os mais pessoais.

Quero propor outro jeito de escolher o melhor candidato, já que pela brancura da roupa não é mais possível. O método deixa de lado a propaganda política - todas são mentirosas por natureza, já que trocam a cidadania pelo consumo – para se concentrar em outros elementos menos tangíveis e, talvez, mais verdadeiros.

Em primeiro lugar, o teste de honestidade. O que deveria ser o mínimo, em alguns momentos, se torna qualidade. Por isso, desconfie de quem se diz honesto. Há coisas que não precisam ser ditas. O instrumento de aferição pode ser mais prosaico: você confia nas pessoas que estão próximas ao candidato? Certamente serão elas que ajudarão a governar e terão o dinheiro na mão.

O segundo indicativo do bom voto é o olhar em retrospecto. Todo candidato garante que é capaz de criar o reino de Deus na Terra. Mas nas oportunidades que tiveram de fazer bem menos, como oferecer escolas de qualidade, guardas nas esquinas e postos de saúde com gente atenciosa para acolher quem sofre, o que deixaram como realização? O instrumento aqui não pode ser também a propaganda, mas a experiência real. Você está feliz com a cidade que tem?
O terceiro degrau é mais sutil: o candidato gosta de gente? Parece fácil responder a essa dúvida, mas não é. Gente é um bicho complicado, chato, exigente, cheio de carências, como eu e você. Porém, infelizmente, é a nossa raça. Quem gosta de gente tem prazer em ver as pessoas se divertindo na rua, acha que a praça é do povo como o céu é do avião. Quem não gosta proíbe, cria normas, espalha os ajuntamentos, esconde a divergência, manda a polícia baixar o cacete.

O quarto nível é mais viajandão: o bom voto deve ser dado a pessoas boas. Acredito, com todas as forças, que a competência não é o avesso da bondade. A melhor forma de administrar qualquer coisa, de uma casa a uma cidade, é espelhar respeito e afeto nas relações humanas. Não precisamos apenas de um bom administrador, mas de um administrador bom. Por isso, a dica é se colocar a seguinte questão: qual candidato você escolheria para ser seu chefe? O coração não se engana.

Por fim, o quinto elemento: a utopia. A palavra anda em baixa, tem gente que até já a enterrou junto com as pedras do Muro de Berlim. Para esses, o mundo já achou o rumo e tudo agora é só questão de grana e tempo. Quanto mais ricos, mais justos. Sabemos que não é assim. E por isso temos que escolher para governar gente capaz de sonhar.

Vou dar alguns exemplos de sonhos que precisam ser construídos coletivamente a partir de agora: freio na especulação imobiliária, que entope as ruas de carros e esconde o céu; praças que se pareçam quintais de casas, e não outdoors de quem faz comércio com a saúde ou esburaca montanhas; metrô confortável e cheiroso para todos os bairros; restaurantes populares com comida igual a que minha avó fazia; segurança que não cause medo em quem precisa ser protegido; incentivo à arte que brota de todos os quadrantes da cidade, em sua variedade e invenção; escolas públicas que sejam vanguarda em matéria de conhecimento e convivência; campos de futebol de grama e com iluminação em todas as regiões da cidade, ao lado de quadras esportivas, piscinas limpas e bons vestiários para que ninguém precise ser sócio de clubes para se divertir; bibliotecas com livros, jornais, revistas, DVDs e computadores, de fácil acesso e atualizadas todos os dias; professores com salários iguais ao do prefeito; solidariedade a todos os movimentos sociais, inclusive com creches, para que os manifestantes e grevistas possam deixar suas crianças durante os protestos contra a própria prefeitura.

Meu manual do bom candidato é esse. Pode não ser o mais politizado no sentido tradicional e talvez seja um tanto fluido, mas vale recapitular. O candidato deve ser honesto, competente, popular, bom caráter e sonhador. Tem algum assim por perto?
Agora é com você. "

*João Paulo não é candidato a nada

Dia Nacional do Idoso


Nesta data, 27/09 o abadiaemfoco homenageia a 3ª Idade, a maravilhosa idade da sabedoria, das experiências vividas e do amor desprendido dos avós. Um momento mágico que todos nós vivenciaremos, se Deus assim nos permitir.

Aprenda a curtir seus Anos Dourados

Idoso é quem tem o privilégio de viver uma longa vida... velho é quem perdeu a jovialidade.

A idade causa a degenerescência das células... a velhice causa a degenerescência do espírito.

Você é idoso quando sonha... você é velho quando apenas dorme.

Você é idoso quando ainda aprende... você é velho quando já nem ensina. 

Você é idoso quando se exercita... você é velho quando somente descansa. 

Você é idoso quando tem planos... você é velho quando só tem saudades.

Para o idoso a vida se renova a cada dia que começa... para o velho a vida se acaba a cada noite que termina.

Para o idoso o dia de hoje é o primeiro do resto de sua vida... para os velhos todos os dias parecem o último de uma longa jornada. 

Para o idoso o calendário está repleto de amanhãs... para o velho o calendário só tem ontem.

Que você, quando idoso, viva uma vida longa, mas que nunca fique velho.



Eu, graças ao bom Deus, tenho a felicidade de ter minha mãe comigo, uma idosa carinhosa, bonita e feliz, que trago aqui na foto, como forma de abraçar a todos os nossos idosos com carinho e amor.

Que todas as pessoas da melhor idade se sintam honradas, não só neste dia, mas em todo o ano, o tempo todo, pois vocês são o espelho real de nossa existência. Parabéns vovôs e vovós, tios e tias, papais e mamães de nossa querida Badia.

quarta-feira, 26 de setembro de 2012

Alerta ao eleitor abadiense

Ouvindo e vendo as propagandas eleitorais dos candidatos a prefeito, vice e vereadores de nossa grande Martinho Campos, fiquei por sinal preocupadíssimo, pois os mesmos tratam os temas básicos (saúde, educação, transporte, segurança, social,esporte, etc) de maneira superficial e sem uma proposta realmente plausível de ser concretizada , salvo raras exceções.
O abadiaemfoco, consciente de seu papel informativo, percorrera todo o município e constatara uma série de mazelas (algumas delas já postadas aqui - veja mazelas da Badia) que fazem parte do dia-a-dia da população e que precisam ser corrigidas.
Por isso quando um candidato lhe pedir voto pergunte ao dito cujo sobre alguns dos problemas abaixo alavancados e veja se a resposta é coerente e se há maneiras de corrigir o problema sem muito onerar os cofres públicos e ainda satisfazer aos anseios da comunidade.

Segurança Pública

O município está em crescimento e precisa de mais efetivo da PM, bem como voltar o policiamento nos distritos de Ibitira e Alberto Isaacson, uma vez que estes locais estão à mercê de toda sorte de infortúnios criminais. 
Precisamos de um pátio para colocar os veículos apreendidos, pois os mesmos ficam na porta da delegacia e em frente à EE Dr. José Gonçalves, acumulando água de chuva, criando mosquitos da dengue e por aí vai.
Urge tirar a cadeia Pública do local onde hoje ela se encontra.
Precisamos de mais efetivo na Polícia Civil.
Precisamos criar (ver a viabilidade financeira ou parcerias) uma guarda municipal para proteger os bens e prédios públicos além de auxiliar na vigilância da cidade.
É de extrema importância colocarmos câmeras de segurança na região central da cidade para um acompanhamento mais seguro dos transeuntes e proteção dos cidadãos de bem.
Criar urgentemente o Conselho Municipal de Segurança Pública para recebimento de verbas e elaboração de projetos que melhorem a nossa segurança.

Saúde

Sabemos que os problemas da saúde são de cunho geral, ou seja, em todo o Brasil a saúde é problemática. Todavia em Martinho Campos a situação é caótica. Apesar de termos um hospital com boa estrutura física e material, não contamos com recursos humanos satisfatórios para cuidar da população.
Faltam médicos especializados e toda a equipe da saúde tem problemas para atender este grande município.
Até simples procedimentos, às vezes,  têm que ser feitos em outros cidades, gerando ônus para os cofres públicos e colocando a vida dos pacientes em risco ao viajar, em alguns casos, mais de 400km ida e volta.
Temos uma boa estrutura em Ibitira (na época citado como mini-hospital), porém não tem médicos em tempo integral conforme prometido e ainda poucos profissionais na área de saúde para atender a demanda daquela localidade.

Rede de esgoto

A rede de esgoto veio como modernidade para o município, porém como não foi terminada os dejetos sólidos e líquidos das casas ligadas à rede esgoto estão indo diretamente para o Córrego do Bambé e para o Rio Picão. A Copasa empurra com a barriga (já que a responsabilidade é dela) porém o poder público municipal tem meios de forçá-la a concluir a obra (caso queiram é lógico).

Educação

Precisamos de cursos técnicos, de nível médio, para formarmos profissionais  nas diversas áreas onde há demanda. Ex. Informática, Segurança do Trabalho, Contabilidade, dentre outros.
Estender o horário de permanência das crianças do Ensino Infantil e primeiras séries do Ensino Fundamental onde os mesmos frequentariam de manhã a escola regular e à tarde projetos pedagógicos. Pelo menos nas maiores escolas municipais da cidade.
Criar cursos de capacitação e reciclagem aos professores que estão na sala de aula diariamente.
E o principal: melhorar os salários dos profissionais da educação que está uma vergonha!

Esporte, lazer

Criar mecanismos para utilização da área de lazer pelos jovens e crianças de nosso município. Voltar o campeonato municipal de futebol amador. Exigir das escolas municipais o ensino de todas as modalidades esportivas. 
Voltar a ajudar os clubes financeiramente e com acompanhamento da Secretaria Municipal para que o nosso esporte seja reconhecido a nível regional e estadual.
Promover as festas tradicionais com responsabilidade e dentro delas usar todo o potencial de nossos moradores. ex. Não precisa trazer grandes nomes da música para o Forró na Praça, vamos utilizar nossos cantores e bandas, além de mostrar todo nosso potencial em organizar festas (como outrora existiam).
Fomentar o turismo em todos os níveis, aproveitando nosso açude, a praia do Nozinho, a gruta da Lapa, artesanato, Igrejinha do Pinheiro dentre outros.

Cultura

Promover a cultura em nossa cidade se torna imprescindível para a modernidade do município. Incentivar as bandas de música, criar o museu municipal e/ou a casa da cultura, fomentar projetos como festival de poesia, da capoeira, da dança Caxixó, etc.
Melhorar e ampliar a biblioteca pública municipal bem como as bibliotecas das escolas municipais, dentre outros projetos.

Social

Melhorar e ampliar o atendimento do Conselho Tutelar bem como a criação de uma casa de custódia para abrigar crianças e jovens desamparados. Racionalizar os projetos em andamento como o PETI, Bolsa Família, etc...
Criar um local (em parceria com a saúde) para cuidar de pessoas já entregues ao vício de drogas.

Todos esses itens  e mazelas são parte de um todo que precisa ser corrigido ou criado. Por isso pergunte ao seu candidato o que ele pensa sobre isso. Analise e escolha aquele que tenha mais coerência com a cidade e com os cidadãos. A eleição está chegando e nossa responsabilidade aumentando.
Quem quer uma Martinho Campos melhor deve sim se preocupar com seu voto. O abadiaemfoco alerta aos eleitores quanto aos problemas, porém cabe a cada um decidir o que é melhor para si e para a Abadia.






terça-feira, 25 de setembro de 2012

Carnaval 2013

Em Abaeté:
obaobaimg

Em Pompéu
Atrações

Em Martinho Campos


Salmo 03

1 Senhor, como se têm multiplicado os meus adversários! Muitos se levantam contra mim.

2 Muitos são os que dizem de mim: Não há socorro para ele em Deus.

3 Mas tu, Senhor, és um escudo ao redor de mim, a minha glória, e aquele que exulta a minha cabeça.

4 Com a minha voz clamo ao Senhor, e ele do seu santo monte me responde.

5 Eu me deito e durmo; acordo, pois o Senhor me sustenta.

6 Não tenho medo dos dez milhares de pessoas que se puseram contra mim ao meu redor.

7 Levanta-te, Senhor! salva-me, Deus meu! pois tu feres no queixo todos os meus inimigos; quebras os dentes aos ímpios.

8 A salvação vem do Senhor; sobre o teu povo seja a tua bênção.



Causo do Chuveiro


Certa feita, nos anos 70/80, quando ainda não existia chuveiro em todas as casas da nossa Badia, o Geriowaldo, muito esperto, resolveu improvisar um nos fundos de sua casa e aposentar aquele banho de gato que então era costume.
O “cabra” pegou uma lona e cercou um pedaço de chão rente à parede dos fundos da cozinha da casa e com a ajuda de bambus armou uma verdadeira barraca. Comprou um chuveiro de segunda mão e com o auxílio de umas “gambiarras” colocou o aparelho em pé dentro do barraco por ele armado.
Como não tinha conhecimento de eletricidade pegou alguns metros de fio de uma antena que estava encostada no quintal e ligou o chuveiro na energia com aquele fio da antena. Para arrematar ele colocou alguns vasos de plantas e pôsteres de atrizes como enfeite do então cômodo do chuveiro de sua casa.
Como era costume tudo aquilo que ele inventava tinha como convidado especial o cumpade Zé Gagueiteira, seu fiel escudeiro e amigo inseparável. E assim se desenrola a história: era uma sexta-feira, dia de dar umas voltas na praça da matriz para ver se arrumava alguma louca, digo, namorada.  Nesta dia especial Geriowaldo entra no banheiro e liga a luz que ele também tinha instalado. Funcionou;  alegria e palmas por parte do Gê e de seu cumpade. Aí o Geriowaldo tirou a roupa e ligou o chuveiro;  mais palmas e alegria. Porém, como a física é perfeita, os fios da antena não suportaram a energia que ali veiculava e então aconteceu que os fios pegaram fogo e este fogo foi se alastrando pelo chuveiro afora, estourou o chuveiro e pegou fogo na lona, provocando aquele incêndio generalizado. Resultado: o Zé Gagueiteira foi parar de correr e de rir lá na Igrejinha do Monte e o Geriowaldo coitado, pelado do lado do pé de jabuticaba, atrás da privadinha, esperando o fogo acabar para ele entrar em casa e vestir uma roupa. Nunca mais quis inventar nada (que dependesse de física ou química) e ainda ficou sendo chamado por meses de fio de antena lá na Escola Dalila Vieira.
Obs. Apesar de ser uma história real isso nunca deve ser feito, em hipótese alguma. 

Mulheres na Câmara, já!

Cabe aos vereadores de Martinho Campos garantirem a governabilidade da administração Municipal, assegurando sua continuidade se ela for positiva e tomando as medidas cabíveis caso seja errônea.
Para exercer a contento seu papel de representante do povo, o vereador deve ter grande capacidade de raciocínio para que a ação de minorias não obstrua matérias de interesse da maioria, pois só desta forma parecerá coerente aos olhos do eleitor. Esta também  é a melhor forma do político cuidar bem da sua cidade e de sua carreira. Acredito que as ações dos parlamentares sempre são julgadas pelas urnas, por isso precisam trabalhar muito e darem uma resposta aos eleitores.
Partindo deste princípio ético devemos analisar e muito os candidatos a vereadores (todos os 87 ou 88) para, na hora do voto, não desperdiçarmos a chance de formar uma Câmara forte e coerente que irá atuar durante os próximos quatro anos.
Particularmente nós, aqui do abadiaemfoco, estaremos votando e torcendo para uma candidata do sexo feminino, pois há muito não vemos uma mulher na Câmara e isto faz muita falta. Vejam só a Dilma, chegou ao poder e já deu cara nova a este brasilzão tropical. Por isso deveríamos colocar mais mulheres em nossa política.
 E elas estão aí para mudar realmente o panorama de nossa Martinho Campos. Porque, cá entre nós, desde a gestão compartilhada de José Dalton e Tia Mary, nunca mais apareceu uma mulher politicamente influente e boa para o nosso município como ocorrera naquela época. 
Dentre as atuais candidatas (que são muitas e exemplares pessoas) estaremos apoiando a nossa amiga e competente Vilani (15888). Uma pessoa humilde, boa e inteligente, que muito já fez por Martinho Campos e acredito que, como vereadora, fará muito mais.



segunda-feira, 24 de setembro de 2012

Clássico nacional nesta quarta


O jogo do Galo contra o Fla nesta quarta trata-se de um confronto histórico entre duas das maiores torcidas do mundo. Muitos jogos memoráveis e jogadores maestros fizeram deste confronto um jogo diferente, especial e saboroso para quem vence. Zico, Nunes, Reinaldo, Cerezo são exemplos de ídolos que se consagraram neste jogo.
Em especial, nesta quarta teremos a presença de R49 pela primeira vez contra seu ex-time com um estádio lotado de gente, haja vista que o Flamengo baixou os preços dos ingressos para o clássico nacional. Um verdadeiro caldeirão e, com certeza , um tremendo show de bola. Que vençamos a partida e encostemos no então líder Fluminense para, num futuro próximo, alcançarmos o primeiro lugar. Acreditamos em você Galo, vamos lá bicar a equipe do Fla e trazer os três pontos para a festa dos alvinegros das Gerais.

domingo, 23 de setembro de 2012

Enfim a Primavera


Ontem, dia 22 de setembro de 2012, às 11h49 se iniciou o período denominado primavera em nosso querido Brasil. Aqui em Martinho Campos os Ipês, as quaresmeiras e várias outras plantas já deram sinal desta estação que é, sem dúvida, a mais bonita do ano.
Um período onde as flores dão vida ao verde das matas. Uma época de romantismo no ar e muita coisa bonita que a natureza, sem pedir nada, nos oferece em toda sua plenitude.
Podemos notar também que as cantigas dos pássaros são entoadas com mais satisfação ao chegar da primavera na grande Martinho Campos. Um som escutado todas as manhãs e tardes,  da  imensa variedade de aves que circulam em nossa terra querida.
Nestas manhãs de setembro vale a pena dar uma volta pela praça da matriz, pelo açude municipal, pelos rios de nossa cidade, enfim, aproveitarmos toda a exuberância que a primavera e nossa Abadia podem nos ofertar.

sexta-feira, 21 de setembro de 2012

Reflexão da Sexta-Feira/Ei....


Ei! Sorria... Mas não se esconda atrás desse sorriso...
Mostre aquilo que você é, sem medo.
Existem pessoas que sonham com o seu sorriso, assim como eu.
Viva! Tente! A vida não passa de uma tentativa.
Ei! Ame acima de tudo, ame a tudo e a todos.
Não feche os olhos para a sujeira do mundo, não ignore a fome!
Esqueça a bomba, mas antes, faça algo para combatê-la, mesmo que se sinta incapaz.
Procure o que há de bom em tudo e em todos.
Não faça dos defeitos uma distância, e sim, uma aproximação.
Aceite! A vida, as pessoas, faça delas a sua razão de viver.
Entenda! Entenda as pessoas que pensam diferente de você, não as reprove.
Ei! Olhe... Olhe a sua volta, quantos amigos...
Você já tornou alguém feliz hoje?
Ou fez alguém sofrer com o seu egoísmo?
Ei! Não corra. Para que tanta pressa? Corra apenas para dentro de você.
Sonhe! Mas não prejudique ninguém e não transforme seu sonho em fuga.
Acredite! Espere! Sempre haverá uma saída, sempre brilhará uma estrela.
Chore! Lute! Faça aquilo que gosta, sinta o que há dentro de você.
Ei! Ouça... Escute o que as outras pessoas têm a dizer, é importante.
Suba... faça dos obstáculos degraus para aquilo que você acha supremo,
Mas não esqueça daqueles que não conseguem subir a escada da vida.
Ei! Descubra! Descubra aquilo que há de bom dentro de você.
Procure acima de tudo ser gente, eu também vou tentar.
Ei! Você... não vá embora.
Eu preciso dizer-lhe que... te adoro, simplesmente porque você existe.


Charles Chaplin

21 de setembro Dia da Árvore



No dia 21 de setembro comemora-se o dia da árvore. 
Para nós do abadiaemfoco uma data muito importante porque, paralelamente, ao comemorarmos o dia da árvore estaremos comemorando o dia da vida, pois árvore é vida, é sustentáculo de nosso ar. O verde é essencial para a sobrevivência humana.
Essa data foi escolhida em razão da chegada da primavera. Mas antes da escolha dessa data, acontecia no país, na última semana de março, a festa Anual das Árvores, instituída pelo presidente Castelo Branco, em 1965.
Mais adiante, a árvore ganhou um dia especial em virtude de sua importância para a vida humana e também com a chegada da primavera, onde ganham nova vida e abrem lindas flores que dão origem a novas árvores.
Com a chegada da primavera podemos ver as cidades mais alegres, pois essas se enchem de flores de todas as cores.
Muitos pensam que a árvore que simboliza o Brasil é o pau-brasil, em razão do nome, mas esse título cabe ao ipê-amarelo, uma das cores que representam o nosso país. O pau-brasil encontra-se em extinção, pois foi muito contrabandeado por ser uma madeira de cor avermelhada e de aparência nobre. Além dessa, o jacarandá, o mogno e o pinheiro também se encontram nas mesmas condições de extinção.
As árvores são plantas que possuem um caule lenhoso e são constituídas por raiz, caule, folha, flor, fruto e sementes. São elas que nos fornecem o ar que respiramos, além das frutas e outros tipos de alimentos; a madeira para construção de móveis, casas, objetos decorativos, cercas; também fornecem remédios; e a celulose, matéria-prima para a fabricação de papel.
Em face das necessidades dos homens em construir novas moradias e melhorar suas condições de vida, as árvores acabaram sendo alvo de destruição, pois grandes áreas foram desmatadas para a construção das cidades.
O contrabando de madeiras também fez com que grandes áreas fossem destruídas, principalmente na floresta amazônica, onde o acesso a outros países é mais fácil e próximo. Os prejuízos seriam menores se fossem plantadas novas árvores nos lugares das devastações, mas o tempo que levam para crescer é muito grande.
O homem precisa ter consciência de que as plantas também são seres vivos e que levam tempo para se desenvolverem. Uma árvore leva longos anos para ficar bem desenvolvida e algumas são tão velhas que são tombadas como patrimônio histórico, devendo ser preservadas.
O abadiaemfoco fará e sugere a todos os internautas que , neste fim de semana, plantem uma árvore,  faz bem pra alma e o mundo agradece.

Texto adaptado do Brasil Escola

quinta-feira, 20 de setembro de 2012

Infância moderna!

A minha infância humilde não me impediu de fazer nada, absolutamente nada. Porém há de se ressaltar que aqui em Martinho Campos 90% da população da minha faixa etária também tivera uma infância simples, pura e, se posso dizer, feliz.
Faltava tudo, mas passávamos o dia jogando bola (às vezes bexiga de porco), amarelinha, pique, etc. Coisas que hoje não vemos com tanta frequência nas crianças.
Pode parecer nostalgia, mas a intenção deste "post" é alertar aos pais quanto à necessidade das crianças viverem seu período de criança. Muitas vezes nos deparamos com meninos e meninas fazendo atividades, desde os dois anos, de gente mais madura. Cito por exemplo querer que a criança, logo nos primeiros anos aprenda a ler e escrever, somar, subtrair, acessar a internet, games etc. Isso pode ser bom, todavia se acompanhado do lazer e do esporte. Criança feliz, alegre a cantar é criança que brinca, que se exercita e que vive socialmente com outras crianças.
Para muitos pais o sucesso do(a) filho(a) é o aprendizado precoce. Muito cuidado com isso. Vejam os grandes profissionais de renome do nosso Brasil, a maioria teve uma infância realmente infantil.
Como professor respeito a ideia de darmos aos nossos pequeninos uma educação boa, moderna e atuante. Porém, como pai e como filho também acredito que os "pequerruchos"  devem ter uma infância com muitas brincadeiras, gracinhas, "artes", um pouco de aprendizado e um pouquinho só de tecnologia.


E voltando à nostalgia de minha infância humilde e bela, mostro uma foto que é guardada a sete chaves. Nela estamos eu (lindo de morrer) e minha prima/irmã Divânia.




quarta-feira, 19 de setembro de 2012

20/09 Dia do Funcionário Municipal


A administração municipal é uma herança da Legislação Romana, adotada em Portugal, no século XIV, E foi trazida ao Brasil no início da colonização. O município é o que chamamos de cidade. Cada município possui as próprias características como extensão e número de habitantes. Esses fatores, somados a muitos outros, variam de município para município.
Ele é administrado pelo prefeito, vice-prefeito e vereadores eleitos pela população, com mandato de quatro anos. Nesse período, esses governantes terão como responsabilidades principais a organização a administração e a arrecadação dos impostos do município. O governo da cidade precisa estar atento às necessidades da população e estabelecer objetivos para melhorar o município.
Para administrar e legislar o município, são necessários muitos funcionários: contador, secretário, tesoureiro, advogado, professores, fiscais, motorista, guardas, faxineiros, lixeiros, garis, escriturários etc. Todos esses trabalhadores recebem seus salários da prefeitura, e executam suas tarefas de acordo com as ordens de seus superiores. Eles são os funcionários públicos municipais.
Desde a promulgação da Constituição do Brasil de 1988, os funcionários públicos municipais só poderão exercer a função após aprovação em concurso público. Com isso, não é mais possível encontrar funcionários nomeados, ou apadrinhados, por indicação de pessoas influentes ou de políticos.
Aqui na Badia temos dezenas de funcionários públicos, na ativa e aposentados. Todos trabalhando para o bem de nossa grande Martinho Campos. 
Através desta postagem o abadiaemfoco vem parabenizar a todos estes bravos trabalhadores que fazem de nossa cidade um lugar melhor para se viver, parabéns a todos vocês funcionários municipais.
(Texto adaptado)

Para votar bem


Temos que eleger um líder mundial e você tem direito a um voto. Você tem algumas informações sobre os candidatos, analise:

Candidato A
Está associado a políticos corruptos e consulta astrólogos frequentemente. Já teve duas amantes, fuma que nem chaminé e bebe de 08 a 10 martínis por dia.

Candidato B
Já foi despedido de dois empregos, costuma dormir até o meio dia, usava ópio na universidade e bebe quase maia garrafa  de Whisky todas as noites.

Candidato C
Ele é um herói de guerra. Condecorado. É vegetariano. Não fuma, bebe uma cerveja ocasionalmente e nunca teve nenhuma relação extra-conjugal.

Em qual você votaria?



Se optou pelo candidato A, você acaba de votar em Franklin D. Roosevelt.


Se optou pelo candidato B você deu seu voto para Winston Churchill.


Se você optou pelo candidato C , então você deu seu voto para Adholf Hitler








Este foi um pequeno teste de reflexão para que, na hora de votarmos para prefeito e vereadores, tenhamos um senso crítico além de nossas vaidades e interesses pessoais, e escolhamos os melhores para a Badia.


terça-feira, 18 de setembro de 2012

Salmo 02

1 Por que se amotinam as nações, e os povos tramam em vão?

2 Os reis da terra se levantam, e os príncipes juntos conspiram contra o Senhor e contra o seu ungido, dizendo:

3 Rompamos as suas ataduras, e sacudamos de nós as suas cordas.

4 Aquele que está sentado nos céus se rirá; o Senhor zombará deles.

5 Então lhes falará na sua ira, e no seu furor os confundirá, dizendo:

6 Eu tenho estabelecido o meu Rei sobre Sião, meu santo monte.

7 Falarei do decreto do Senhor; ele me disse: Tu és meu Filho, hoje te gerei.

8 Pede-me, e eu te darei as nações por herança, e as extremidades da terra por possessão

9 Tu os quebrarás com uma vara de ferro; tu os despedaçarás como a um vaso de oleiro.

10 Agora, pois, ó reis, sede prudentes; deixai-vos instruir, juízes da terra.

11 Servi ao Senhor com temor, e regozijai-vos com tremor.

12 Beijai o Filho, para que não se ire, e pereçais no caminho; porque em breve se inflamará a sua ira. Bem-aventurados todos aqueles que nele confiam.