abadiaemfoco

sábado, 11 de abril de 2015

Pessoas de bem se organizam em prol do açude

Aconteceu neste último dia 09 de abril, na área do açude municipal, uma reunião de moradores , no intuito de trabalharem em ideias para revitalizar,  conservar e proteger nosso cartão postal.
Os interessados e benfeitores de nossa comunidade discutiram os diversos tópicos referentes ao Parque Ecológico (açude) e deliberaram sobre novos encontros e novas propostas parao local.
O evento contou com a participação de políticos, arquitetos, profissionais liberais etc , além de moradores do bairro Lagoa dos Buritis, onde se situa o nosso açude.

Transcrevo agora um trecho do texto de um dos organizadores do evento e militante das boas causas de nosso município, senhor Emilson Ramos:


"Colocamos em discussão todos os problemas evidenciados, e vários foram os questionamento! Representante expôs em um breve resumo as verbas que foram direcionadas ao açude, como ela foi gasta, e que esta sendo programado pela prefeitura municipal! Foi feita em gestões anteriores projetos maravilhosos, mas que por falta de verba estacionaram em arquivos e o projeto ambicioso estacionou no esquecimento!

Como era nosso objetivo escutamos todos segmentos ali presentes, e dali começaram a surgir boas idéias as quais vou relacionar:
1) Elaboração de um projeto lei para transformar a o Açude que é uma área pública, em belo parque ecológico municipal, para facilitar a criação de medidas sócio-econômica direcionadas sem a tradicional burrocracia tradicional,
2) Criação de uma comissão de membros do movimento "ABRACE O AÇUDE", sempre de forma rotativa entre os integrantes, para facilitar os tramites dos órgão públicos, e reuniões pertinentes sobre o assunto,
3) Cobrar do IEF e CODEMA uma participação ativa junto ao movimento,
4) Criação de um projeto onde possa ser vislumbrado todos os problemas existentes, onde fora citados: 
_ Criação de portais para que facilite o acesso
_ Asfaltamento de vias públicas laterais e paralelas com a lagoa,
_ Criação de projeto específico para drenagem assoreamento,
_ Plantio de mudas nas margens do açude,
5) Pedir juntos órgãos competentes uma fiscalização rigorosa, quanto a pesca e caça criminosa que vem acontecendo diariamente,
6) Arrumar os alambrados que cairam devido as redes fluviais que não existem, 
7) Cobrar da COPASA explicações da rede esgoto que danificam as estruturas ali existentes,
8) Pedir a uma avaliação juridica das leis que regem os mananciais de água do município,
9) Fazer levantamento dos potenciais do açude, e quais as maneiras viáveis de explorar turisticamente o açude, revertendo em laser para nossa cidade!
O que ficou decidido:
1º - Etapa: Tentativa de criar um projeto lei;
2º - Etapa: Reunião com a população para detalhar as reais necessidade e extensividade do projeto;
3º - Etapa: Criação do projeto urbanístico
4º - Etapa: apresentação do projeto urbanístico para a população;


Observação: Esse movimento é totalmente apolítico visa única e exclusivamente Salvar o Açude! Outras etapas serão definidas posteriormente de acordo com o desenvolvimento das etapas!
Deixo aqui o meu agradecimento a todos que deixaram os seus afazeres e vieram abrilhantar a nossa primeira reunião, onde todos participaram de forma ativa e agradável!
Pessoas que compareceram: Rômulo arquiteto, Deth da gráfica, Emilson Ramos, Odair da capoeira, Geraldinho da Moderna, Agemiro, Giseli, Nidia, Vanessa, Jane, Feruginha, Lorena, Julio césar, Germano, Amanda, Tuta, Vicente, Natália e Cecília!"

Muito bacana o evento e, por conseguinte, muito eficaz para a revitalização de nosso cartão postal. Parabéns aos idealizadores. O abadiaemfoco estará sempre ao lado dessa ideia , informando, apoiando e levando aos quatro cantos do planeta a imagem positiva de nossa "Abadia", vulgo Martinho Campos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário