abadiaemfoco

quinta-feira, 6 de agosto de 2015

Saúde / 10 hábitos simples que podem acelerar o seu metabolismo

(Texto da revista superinteressante digital)
Muitas vezes vilão para quem não consegue perder peso, o metabolismo pode ser entendido como a quantidade de calorias que o organismo consome para cumprir determinados papéis, como o simples ato de respirar. 
Não conseguir emagrecer pode sim estar ligado a um metabolismo mais lento, mas algumas medidas simples podem acelerar a função metabólica do organismo, fazendo com que o corpo gaste mais calorias para realizar as mesmas atividades.
A pedido de EXAME.com, o médico Antônio Carlos Till, do Vita Check-up Center, listou 10 hábitos simples que podem ajudar a acelerar o seu metabolismo, veja quais são eles.

1. Não pule refeições

Sanduíche
Getty
Engana-se quem acha que pular refeições ajuda no processo de emagrecimento. De acordo com o especialista, pular refeições prejudica o metabolismo e não faz com que pessoa perca peso. 
"O que realmente impactará na perda de peso corporal é a quantidade e a qualidade do que é ingerido. Portanto, faça suas refeições em intervalos máximos de 4 horas", afirma Dr. Till. 

2. Priorize o sono

Sono
Thinkstock
Dormir adequadamente é fundamental. Segundo o Dr. Till, o metabolismo da glicose é afetado em pessoas que dormem menos do que a sua necessidade. 
É importante lembrar, no entanto, que cada pessoa tem uma necessidade diária diferenciada, que pode variar de 6 a 8 horas de sono. O importante é que o sono seja suficiente para ela ficar descansada.

3. Beba muita água

Água
Getty
Manter o corpo hidratado também é bom para o metabolismo. Estudos já mostraram que a ingestão de muita água pode facilitar a queima de calorias. "Pois facilita o transporte de vitaminas e ajuda a eliminar toxinas, melhorando também a função intestinal. Beba bastante líquido, de 2 a 3 litros por dia", afirma o médico.

4. Mexa-se

Exercícios
Getty
Obviamente que atividade física acelera o metabolismo. O exercício, segundo Till, é de fundamental valor. O especialista alerta que o ideal é associar exercícios aeróbicos a treinamentos anaeróbicos, como musculação, além, é claro de uma alimentação equilibrada. 

5. Beba café

Café
Thinkstock
Para o especialista, o consumo de cafeína estimula o corpo e também aumenta a capacidade de queima de calorias.

6. Fique longe dos sucos industrializados

Suco industrializado
Getty
Embora seja de fruta e aparentemente saudável, sucos de frutas industrializados possuem excesso de açúcar e conservantes químicos, além de outras substâncias prejudiciais ao organismo.   "Ao contrário da cafeína, ele pode tornar lento os processos metabólicos". 

7. Coma proteína

Peixe
Getty
Além de manter o corpo sempre hidratado, comer uma quantidade adequada diariamente de proteína é muito importante.
Segundo o dr. Till, a proteína dá energia e facilita a mobilidade e a queima de calorias de uma forma mais rápida.

8. Consuma gorduras do bem

Nem sempre um alimento mais calórico é ruim. De acordo com o dr. Till, as pessoas necessitam de calorias para o bom funcionamento do organismo. 
"As gorduras constituem-se em importante fonte calórica e devemos consumir as gorduras saudáveis, as insaturadas, encontradas em peixes, certos tipos de óleos e castanhas, além do abacate. Deve-se evitar, no entanto, as gorduras saturadas e trans".

9. Evite alguns adoçantes

Substituir o açúcar por adoçante nem sempre é uma escolha saudável, pois o uso de alguns adoçantes pode aumentar o apetite e fazer com que o corpo demande mais carboidratos, os quais são mais difíceis de serem quebrados reduzindo o metabolismo do nosso corpo.

10. Relaxe

Relaxando
Getty
E por fim, relaxe. Diversos estudos mostram que o estresse em determinados níveis é positivo para a nossa vida e pode, no longo prazo, contribuir para a preservação de nossa capacidade intelectual, funcionando inclusive como uma "prevenção" para a demência e o Alzheimer. 
"Quando excessivo, no entanto, o estresse leva a liberação de grande quantidade de cortisol, atrapalhando nosso metabolismo e podendo resultar em acúmulo extra de gordura", conclui Till. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário