abadiaemfoco

sexta-feira, 18 de setembro de 2015

Martinho-campense ou martinhocampense?

Observando textos, frases e ditos referentes ao gentílico (adjetivo pátrio) de nossa cidade, deparei-me com esta dúvida que parece existir em muito entre nossos conterrâneos e amigos.
Até professores, advogados, médicos etc cometem a gafe de escrever errado esse adjetivo. Todavia, estamos aqui justamente para esclarecer a dúvida ou, quiçá, apimentar ainda mais o nosso "Português".

"Adjetivo pátrio é o termo que indica a nacionalidade de uma pessoa, um objeto, animal, entre outros. Esta nacionalidade está ligada a países, cidades e estados de uma forma geral."

O termo correto do gentílico de nossa cidade Martinho Campos é martinho-campense (com hífen). 
Depois de muito pesquisar e ver ambas formas escritas em vários documentos e textos, consegui definir o uso correto (com hífen). 

Está nos anais do governo federal e sites governamentais com referência histórica e atual.

Também na gramática está confirmada a formação com hífen (apesar de não constar Martinho Campos) haja vista outras cidades com nomenclaturas parecidas e gentílicos semelhantes.

Assim, caros amigos da boa escrita (e leitura) martinho-campenses e demais companheiros, vamos escrever sempre martinho-campense e não mais "martinhocampense", tá decidido?


Nenhum comentário:

Postar um comentário