abadiaemfoco

sexta-feira, 16 de outubro de 2015

Um pouco de política

A razão só pode ser responsabilizada  por endossar uma ação particular. Assim, nós só podemos julgar motivos e ações como morais ou imorais.Tendo em vista que a moralidade é determinada pela razão, isso significa que a bondade  e a maldade também derivam da razão.
E com propriedade digo que nossa política está centralizada numa razão de esquerda com tendências (negativamente herdadas) da direita. Isso porque nossos governantes pregam uma doutrina socialista, porém vivem e governam como autênticos capitalistas.
Num todo, podemos determinar que sempre foi assim no Brasil, tanto na esfera federal como nos estados e município. E como consequência temos um Brasil gigante na economia, porém com gigantescas desigualdades sociais.
E o caminho da solução? Bem , este é mais demorado, mas viável e possível.
A começar pela educação de nossas crianças e jovens; acho urgente revermos os currículos e voltarmos a "Educação Moral e Cívica e OSPB"  às salas de aula. Também urge um estudo sistemático (em todas as entidades) da economia, para que nossos brasileiros entendam o verdadeiro significado da palavra e ajudem a construir um país melhor.
A médio prazo temos que rever nosso sistema político. Pois foi feita uma "minirreforma" política tímida e ainda temos uma longa lista de mudanças para ser votada. 
Haja vista a tal da "ficha limpa" que, mesmo atualizada, ainda dá chances a muitos políticos  com pendências na justiça de se candidatarem.
Entretanto, a razão da razão é que precisamos de pessoas mais dinâmicas, conscientes e capacitadas  para assumirem os cargos eletivos, sejam eles do executivo ou legislativo. Uma mudança realmente radical.
E, sinto, que nessa próxima eleição (Prefeito e vereadores) já teremos uma resposta positiva. Pois as manifestações de 2013, os escândalos revelados da Petrobrás, a crise econômica e a necessidade de melhorias na vida do cidadão comum, farão com que escolhamos melhor nossos representantes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário