abadiaemfoco

domingo, 3 de janeiro de 2016

Presente de grego do governador

Infelizmente os servidores públicos do estado de Minas Gerais terão um janeiro mais longo e mais intenso quanto  à dívidas, já que a gestão petista atrasará pra o dia 13/01 o pagamento do funcionalismo que até então seria no quinto dia útil, ou seja, dia 08.
Veja a matéria completa , extraída do jornal "O Tempo":

"Os servidores estaduais deverão se preparar para iniciar o ano com atraso no recebimento de salário. A Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão, por meio de nota, informou que haverá atraso na realização do pagamento referente ao mês de dezembro de 2015 dos funcionários públicos.
Segundo a assessoria de imprensa do órgão, o salário deverá ser pago integralmente somente no dia 13 de janeiro. O documento ainda informa que o atraso foi devido às dificuldades financeiras enfrentadas pelo governo. “Tal situação se deve às dificuldades financeiras ora enfrentadas pelo Estado de Minas Gerais, que registrou, sobretudo em 2015, forte redução da arrecadação de ICMS, tal como o restante dos Estados brasileiros”, disse a nota.
Também em nota, o bloco Verdade e Coerência, que reúne os deputados de oposição na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), afirmou que o atraso nos pagamentos pode se repetir ao longo do ano. "Os deputados do bloco de oposição lamentam o descaso do governo com os servidores e suas famílias e condenam a irresponsabilidade do PT com as contas públicas do Estado", diz o texto."
Difícil é entender como o governo aumentou as secretarias e sub-secretarias no Estado e assim inflou o erário de pagamento. Também não dá para entender a campanha mentirosa desse Governador, já que ele garantiu que não prejudicaria em nada os servidores.
De tudo, o jeito é atrasar nossos pagamentos , conversando com nossos credores e rezar para que esse período (governo) desastroso   passe rápido e façamos uma faxina nessa nossa política.

Nenhum comentário:

Postar um comentário