abadiaemfoco

quarta-feira, 8 de junho de 2016

E durante um jogo contra o CAP...

Em tempos idos, aqui na Badia, havia um jogador muito famoso no Abadia Futebol Clube : o Dirrhan, centroavante das pernas curtas, meio agalegado/sarará. Era entroncadinho e tinha uma tatuagem do Galo nas costas. Há alguns anos, quando o Abadia ainda jogava em Pompéu contra o CAP, no regional, este  jogador abadiense se destacava fazendo dribles desconcertantes, lançamentos perfeitos e fazendo gol.
O narrador da Rádio pompeana não cansava de gritar: "Dirrhan é um craque", "Dirrhan é uma revelação do futebol mineiro". E era Dirrhan prá cá, Dirrhan pra lá …
No final do jogo, o Abadia perdeu por 3 x 1, mas o destaque daquele jogo foi o jogador Dirrhan. Vendo aquele sucesso todo do jogador abadiense, um jovem repórter da Rádio foi fazer uma entrevista com o craque na beira do gramado e foi logo perguntando:
— Você tem parentes na França? Esse seu nome é de descendência francesa?
O jogador, olhando espantado para o repórter, respondeu:
— Não sinhô, meu apelido é Cu de Rã, mas como num pode falá Cu na rádio… então, eles abreveia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário