abadiaemfoco

terça-feira, 24 de abril de 2018

E qual seria então o melhor para Martinho Campos e região, em se tratando de deputados?

A política já começou pelo país afora. E martinho Campos já vive a efervescência da democracia, recebendo candidatos a deputados (estadual e federal), bem como os líderes de partidos.
O fenômeno é normal e natural em ano de eleição, todavia , com o advento da velocidade da mídia, muitos se posicionam a favor e/ou contra até mesmo a essas visitas que, como já disse, são normais e naturais.
Muitos candidatos ainda não oficializaram suas candidaturas, mas já trabalham incansavelmente para angariar votos e serem eleitos. Alguns são conhecidos por suas barganhas exclusas, suas falcatruas e suas fichas sujas; outros porém, fazem parte do "balaio" de bons políticos deste Brasil afora.
O "passível", entretanto, acontece com o voto consciente do eleitor brasileiro, em especial de nós, martinho-campenses.
Quando se fala em voto consciente, faz-se referência à importância de um voto tomado a partir de informações adequadas, que apontem ao eleitor que o votado é quem está mais apto a atender às demandas da população. Em certo nível, trata-se também de um voto “desapegado”: antes de pensar em vantagens pessoais, o eleitor deve pensar na coletividade, nas pessoas que o rodeiam: o que elas querem? O que eu acredito que elas precisam? É esse tipo de questionamento que deve estar na mente de um eleitor na hora de definir seu voto.
Um voto consciente é feito com a consciência de que foi feita uma escolha adequada. Você deve ser capaz de dizer: com um conhecimento adequado sobre os candidatos em questão, escolhi aquele que acredito estar mais apto a gerir o patrimônio e o interesse públicos.
E qual seria então o melhor para Martinho Campos e região, em se tratando de deputados?
Serão aqueles escolhidos com sabedoria, união e consciência!
Pensemos nisso!
Resultado de imagem para imagem de candidatos pedindo votos charge

Nenhum comentário:

Postar um comentário