abadiaemfoco

terça-feira, 14 de agosto de 2018

Qualidade das estradas não acompanha aumento da frota de veículos em Minas

É o caso de nossa BR 352 (principalmente entre Abaeté e a Ponte do Rio Pará) que está em situação caótica e pode piorar em muito com a chegada do tempo chuvoso em nossa região. Um descaso com o contribuite e um risco de vida para todos que desta importante via necessita.


"Uma frota que não para de crescer – formada por veículos cada vez mais modernos, capazes de desenvolver maiores velocidades – circulando em uma infraestrutura de estradas ultrapassadas, com sinalização, pavimento e traçado deficientes, e que pouco aumenta ao longo dos anos. Esse é o retrato que emerge da terceira edição do Anuário CNT do Transporte, divulgado ontem. O resultado da equação que soma a falta de dinheiro e planejamento com a imprudência de muitos motoristas não chega a surpreender: acidentes e mortes que alimentam outro aspecto sinistro das estatísticas. Exemplo local do quadro nacional, Minas, estado de maior malha rodoviária do país, tem trechos pavimentados que não chegam a 10% do total de suas vias. E um terço dos caminhos analisados estão em condição deplorável. Quem entende do setor decreta: enquanto não houver investimento de fato, os resultados dessa combinação não vão melhorar." (Trecho extraído do EM digital).

Nenhum comentário:

Postar um comentário