abadiaemfoco

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

A hora do rebanho se unir

Um fator importante da renúncia do Papa é a reflexão do poder da religião sobre as pessoas. Num momento de fé para a Igreja Católica como é esse período da quaresma, muito se deve pensar sobre nosso papel enquanto filhos do Criador. Não só na Católica mas também em todas as religiões. O mundo evolui rapidamente e as mudanças, muitas vezes, nos afastam dos preceitos morais que nossos avós nos ensinavam e que eram repassados também pela Igreja. 
Martinho Campos abriga um bom número de religiões, desde a espírita, passando pela Católica e chegando às evangélicas, todas na busca do bem comum do ser humano. Mas será que nós, rebanho, estamos na direção certa?
Ocasiões não faltam para que tenhamos uma religião atuante: podemos ajudar nossos irmãos carentes; nosso hospital que precisa de auxílio para se manter firme na luta pela saúde dos abadienses; orarmos em favor de nossos políticos para que tenham juízo na hora de governar; praticar o amor com nossos semelhantes; participar das missas, cultos, reuniões, etc; enfim assumir uma postura de filhos obedientes que povoam uma Terra magnífica criada para nós.
Haverá um outro Papa, é claro, assim como teremos um novo padre algum dia. E assim a religião caminha. Mas, neste momento devemos sim refletir sobre tudo isso.


Nenhum comentário:

Postar um comentário